23:03 22 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    15180
    Nos siga no

    Os EUA fariam melhor em deixar de buscar problemas fora do seu território nacional, nomeadamente no Golfo Pérsico, disse o chefe-redator do Iran Press, Emad Abshenass, em declarações à Sputnik Persa.

    "O ministro da Defesa do Irã Hossein Dehghan comparou o comportamento dos EUA no golfo ao de um assaltante armado que causa problemas para os países da região e os aconselhou a se retirarem", acrescentou Abshenass à Sputnik Persa

    "Os americanos percorrem 10 mil quilômetros, chegam a terras alheias e ameaçam governos. O Irã tem seu próprio espaço marítimo, que tem fronteiras com as águas internacionais. Se ninguém violar este espaço, o Irã não se preocupará", disse ele. 

    Ele acrescentou que Irã também pode realizar manobras nas águas internacionais, por exemplo no golfo do México. 

    "Mas os EUA tentam invadir exatamente o espaço marítimo iraniano e criam uma ameaça. O Irã não pode fechar os olhos a essas ações e reage em consequência”, sublinhou analista. 

    Ele avisou que os EUA fariam melhor em parar de buscar problemas fora do seu território nacional. 

    Mais:

    Poderão outros países seguir exemplo do Irã e introduzir sanções contra EUA?
    EUA acusam Irã de colocar navegação em perigo no estreito de Ormuz
    Tags:
    tensões, águas internacionais, comportamento, deslocamento, opinião, política, ameaça, espaço, Hossein Dehghan, Golfo Pérsico, Golfo do México, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar