20:45 08 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    213
    Nos siga no

    Hiader al-Abadi, premiê iraquiano, anunciou começo da operação militar para libertar a parte ocidental de Mossul do grupo terrorista Daesh, proibido na Rússia.

    A notícia foi divulgada pela assessoria de imprensa do ministro iraquiano.

    A parte ocidental de Mossul continua sendo controlada pelos extremistas. Já os militares iraquianos mantêm a área cercada já há quase três meses.

    "Primeiro-ministro anunciou começo da operação de libertação da parte ocidental de Mossul", a agência AFP cita comunicado do premiê iraquiano.

    AP
    Iraque começa libertação da parte ocidental de Mossul

    De acordo com o general-tenente das Forças Armadas iraquianas, Abdulamir Yarallah, os militares estão avançando em direção ao aeroporto de Mossul e já estabeleceram controle sobre duas aldeias — Athbah e Al-Lazzagah.

    Anteriormente, Reuters informou que a Força Aérea do Iraque lançou milhares de panfletos avisando sobre futura ofensiva de libertação desta parte da cidade das mãos do Daesh.

    A parte oriental de Mossul foi completamente libertada no decurso da operação conjunta dos militares iraquianos e da coalizão chefiada pelos EUA, iniciada em outubro de 2016. Cerca de 30 mil pessoas já voltaram para as áreas libertadas.

    Mossul ocidental abrange o centro histórico — onde ficam mercados velhos, grande mesquita e a maioria dos prédios administrativos. Militares consideram que o combate nesta região vá ser o mais difícil, pois as ruas estreitas dificultam a passagem de tanques e veículos blindados.

    Mais:

    Forças do Iraque retomam controle da região oriental de Mossul
    Líder do Daesh teria sido ferido em ataque aéreo no Iraque
    EUA e Iraque juntos contra Daesh e 'ameaça iraniana'
    Tags:
    terrorismo islâmico, operação, libertação, Daesh, Mossul, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar