22:50 24 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Exército sírio no sudeste de Damasco

    Exército sírio repele ataque de militantes nos arredores de Damasco

    © Sputnik / Valery Melnikov
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5121

    Na quarta-feira (25), o exército sírio repeliu um ataque repentino de grupos criminosos armados perto do povoado de Harasta, localizado a oito quilômetros a sudoeste de Damasco.

    As informações são do jornal Al-Watan.

    De acordo com as fontes citadas pelo jornal, os terroristas tinham como alvo um estabelecimento do governo, mais precisamente – posto de controle de um estacionamento.

    O jornal não especifica a quais grupos extremistas pertencem os militantes, mas anteriormente foi informado que os militares sírios estão enfrentando o grupo terrorista Frente Fatah al-Sham (ex-Frente al-Nusra, grupo terrorista proibido na Rússia).

    Segundo informações, os planos dos militantes fracassaram. O inimigo sofreu perdas consideráveis e recuou. Também não há informações sobre eventuais perdas entre os militares do exército sírio.

    Vale mencionar que, ao longo das últimas semanas, a atividade dos terroristas nos arredores de Damasco tem aumentado consideravelmente. Assim, em 18 de janeiro, ocorreu uma forte explosão em Harasta levada a cabo por integrantes do grupo terrorista Fajr Umma que não respeita o acordo sobre o cessar-fogo com o governo. A instalação de explosivo pelos radicais perto de um dos prédios da inteligência da Força Aérea provocou a morte de sete militares, entre eles um general.

    Anteriormente, em 8 de janeiro, o presidente sírio, Bashar Assad, informou estar disposto a negociar com os rebeldes, exceto dos grupos terroristas Frente al-Nusra e o Daesh (ambos são proibidos na Rússia).

    Mais:

    Cerca de 1200 rebeldes abandonaram cidades na província de Damasco
    Síria adverte Israel das consequências do ataque de mísseis ao aeroporto em Damasco
    Tags:
    explosivo, perdas, inimigo, exército sírio, Daesh, Frente Fatah al-Sham, Frente al-Nusra, Harasta, Damasco, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik