11:05 26 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Tanque turco durante uma operação perto da fronteira com a Síria

    Ancara acusa Washington de desamparo na operação turca na Síria

    © AP Photo / IHA via AP
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1560

    Os EUA não estão providenciando apoio aéreo na operação das Forças Armadas turcas Escudo do Eufrates, realizada no norte da Síria, informou o chanceler turco, Mevlut Cavusoglu, na quinta-feira (29).

    "Criamos a coalizão de combate contra o grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países), abrimos para vocês a nossa base de Incirlik. A luta séria continua em Al-Bab. Por que vocês não nos apoiam do ar? Os EUA há já algum tempo não tem prestado apoio do ar para a nossa operação Escudo do Eufrates", informou o chanceler turco ao canal Ahaber.

    De acordo com ele, os EUA continuam fornecendo armas às forças de autodefesa dos curdos sírios, consideradas por Ancara como grupo terrorista ligado ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão.

    "Os EUA dão armas para eles, ponto final", declarou Cavusoglu.

    Em 24 de agosto, o exército turco iniciou a operação Escudo do Eufrates contra os militantes do Daesh. Com a participação da oposição síria, os militares turcos tomaram a cidade fronteiriça de Jarablus, no norte da Síria, e agora estão realizando uma ofensiva contra a cidade de Al-Bab.

    Mais:

    Mídia: Rússia, Turquia e Irã planejam dividir Síria em zonas de influência
    Opinião: Turquia usará os terroristas removidos de Aleppo para combater os curdos
    Tags:
    autodefesa, operação militar, curdos, Escudo do Eufrates, Daesh, Partido dos Trabalhadores do Curdistão, Mevlut Cavusoglu, Jarablus, Al-Bab, Síria, EUA, Turquia, Washington, Ancara
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar