18:52 23 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Presidente norte-americano Barack Obama numa reunião com o Rei da Arábia Saudita Abdulaziz al Saud, no palácio de Erga, em Riad, 20 de abril, 2016

    Arábia Saudita planeja parar de investir na economia norte-americana

    © AFP 2017/ Jim Watson
    Oriente Médio e África
    URL curta
    142198241

    A Arábia Saudita planeja rever sua “estratégia financeira” em relação aos EUA e suspender os investimentos na economia norte-americana, diz o Wall Street Journal.

    Segundo comunica o WSJ, a decisão de Riad foi influenciada por dois acontecimentos: a aprovação pelo Congresso de uma lei que concede o direito às famílias das vítimas nos atentados de 11 de setembro de apresentar demandas oficiais contra a Arábia Saudita, bem como a eleição do apoiante desta medida, Donald Trump, para o cargo do próximo presidente dos EUA.

    O fundo soberano saudita já suspendeu os investimentos na economia norte-americana até que seja esclarecida a postura ulterior de Washington em relação a Riad.
    Anteriormente, o Congresso dos EUA aprovou uma lei que faz com que os familiares das vítimas dos atentados de 11/09/01 possam apresentar demandas judiciais contra a Arábia Saudita, o país de origem da maioria dos terroristas envolvidos.

    O presidente dos EUA, Barack Obama, vetou o projeto de lei aprovado pelo Congresso, mas o Senado superou o veto com 97 dos votos a favor e apenas um contra.

    Em um discurso proferido antes de o Congresso ultrapassar o veto, Donald Trump ressaltou: "Se for eleito presidente, assinarei tal lei assim que ela apareça na minha secretária".

    No entanto, Trump destacou que é um amigo da Arábia Saudita, escolhendo James Mattis, antigo apoiante do Reino, como seu secretário de Defesa. Ao mesmo tempo, ele questionou várias vezes a prestação de apoio militar norte-americano à Arábia Saudita.

    Mais:

    Erdogan critica EUA pela execução de lei contra Arábia Saudita
    EUA limitam ajuda militar à Arábia Saudita devido à morte de civis no Iêmen
    EUA e Arábia Saudita têm reunião 'frutífera' sobre guerra contra o Daesh
    Tags:
    investimento estrangeiro, projeto de lei, aliados, 11 de setembro, eleições nos EUA, Casa Branca, Congresso dos EUA, Donald Trump, Barack Obama, Arábia Saudita, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik