08:21 23 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Helicóptero Mi-24 do Exército Árabe Sírio perto de Palmira

    Daesh pode ter capturado armas antiaéreas na cidade síria de Palmira

    © Sputnik / Mikhail Voskresenskiy
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Combates por Palmira recomeçam (19)
    10114

    Um major-general das Forças Armadas dos Estados Unidos afirmou nesta quarta-feira que militantes do grupo extremista Daesh podem ter conseguido capturar armas capazes de derrubar aeronaves na cidade histórica de Palmira, na Síria.

    Segundo Stephen Townsend, comandante da operação Inherent Resolve, dos EUA, além dos equipamentos antiaéreos, também estariam em poder dos terroristas vários veículos blindados.

    "Basicamente, qualquer coisa que eles apreendem representa uma ameaça para a coalizão", afirmou o militar em conversa com jornalistas. 

    Ainda de acordo com Townsend, a expectativa de Washington e seus aliados é a de que as tropas do governo sírio não percam mais territórios para os terroristas e, junto com as forças russas, resolvam a situação de Palmira em pouco tempo.

    "Se os russos e o regime não resolverem, nós o faremos", garantiu o comandante. 

    No último domingo, jihadistas do Daesh capturaram outra vez a cidade histórica síria, na província de Homs, depois de serem expulsos de lá por tropas governamentais. Segundo fontes diversas, mais de 5 mil militantes, incluindo vários homens-bomba, teriam entrado em Palmira. O governo regional afirma que cerca de 80% dos civis já foram retirados da cidade.

    Tema:
    Combates por Palmira recomeçam (19)

    Mais:

    Exército sírio retoma controle sobre colinas perto de base aérea de Palmira
    Ataque terrorista a Palmira visava 'minar a vitória de Aleppo', diz presidente
    Especialistas falam em conspiração entre coalizão ocidental e terroristas em Palmira
    Kremlin comenta ofensiva do Daesh contra Palmira
    Tags:
    coalizão, Inherent Resolve, jihadistas, terroristas, Daesh, Stephen Townsend, Washington, EUA, Rússia, Síria, Homs, Palmira
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik