17:05 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Prédios destruidos após ataque aéreo da coalizão internacional liderada pelos EUA na Síria

    Militares americanos chegam à fronteira sírio-iraquiana

    © AFP 2017/ AHMAD ABOUD
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5212

    As forças da coalizão internacional entraram na parte ocidental da província iraquiana de Anbar para libertar dos terroristas as cidades de Rawa, Anah e Al-Qaim, afirmou na terça-feira (13) o prefeito de Anbar, Mabrouk Hamid, à Sputnik Pérsia.

    Os representantes e militares da coalizão internacional liderada pelos EUA vieram para ajudar o exército do Iraque a libertar do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia) as vilas localizadas perto da fronteira síria, apontou o prefeito.

    Segundo disse o interlocutor da Sputnik Pérsia, os voluntários locais têm falta de armas. Estão sendo realizadas negociações permanentes com a coalizão para o fornecimento de armas às forças regionais que querem combater aos terroristas do Daesh.

    Voluntários sunitas do Iraque na província de Anbar
    © AFP 2017/ AHMAD AL-RUBAYE
    Voluntários sunitas do Iraque na província de Anbar

    Mais:

    Exército do Iraque não confirma informações sobre ataque dos EUA em Mossul
    Mídia: ataque contra al-Qaim no Iraque foi efetuado pela Força Aérea nacional por engano
    Iraque: Ataque aéreo deixa mais de 70 civis mortos e 100 feridos em Al Qaim
    Opinião: para combater terroristas, Iraque precisa de um líder como Assad
    Coalizão pretende permanecer no Iraque após a derrota do Daesh
    Tags:
    coalisão, civis, fornecimento, armamento, grupos terroristas, militares, Daesh, Al-Qaim, Anbar, Síria, Iraque, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik