00:45 22 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    As forças iraquianas fazem o primeiro avanço dentro da cidade de Mossul na terceira semana de ofensiva

    Unidades iraquianas libertam mais de 600 mil residentes de Mossul

    © REUTERS / Stringer
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 20
    Nos siga no

    Os bairros de Mossul, libertados pelas forças iraquianas das mãos dos militantes do grupo terrorista Daesh, possuem uma população de 600 mil pessoas, disse à agência russa RIA Novosti o comandante das forças da Direção da luta contra o terrorismo do Iraque, tenente-general Abdel Ghani al-Asadi.

    Segundo o comandante do destacamento especial, conhecido como a Divisão de ouro, as forças antiterroristas, até agora, conseguiram libertar 25 bairros de Mossul dos radicais.

    "O número de cidadãos que vivem nos bairros de Mossul, que libertamos neste mês, corresponde a 500 e 600 mil pessoas", disse.

    Segundo ele, estas pessoas, desde o começo da operação de libertação da cidade, preferiam não sair para rua e "ficavam em casa".

    A operação de cerco de Mossul é realizada por alguns departamentos iraquianos com o apoio da aviação da coalizão internacional, liderada pelos EUA. A cidade é assediada pelo exército e destacamentos antiterroristas que já entraram em uma série de bairros de Mossul. A operação de libertação da cidade tomada pelos terroristas do Daesh vem sendo executada desde 17 de outubro.

    Mais:

    Tropas irregulares iraquianas cercam Mossul
    Vala com mais de 200 corpos é descoberta perto de Mossul
    Forças iraquianas libertam nordeste de Mossul do controle do Daesh
    Exército iraquiano expulsa Daesh, hasteando bandeira em aldeia a leste de Mossul
    Tags:
    bairros residenciais, libertação, terroristas, operação, Daesh, Mossul, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar