00:17 18 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Jogo de futebol na Síria

    Síria começa jogando futebol para acabar com a guerra

    © Sputnik / Nour Melhem
    Oriente Médio e África
    URL curta
    482

    As autoridades sírias realizaram jogos amigáveis de futebol em Damasco e Aleppo. Militantes da oposição armada foram convidados a participar, mas eles não compareceram. O ministro para a Reconciliação Nacional da Síria, Ali Haidar, chamou o jogo de apelo à reconciliação.

    A ética esportiva pode se tornar um exemplo de resolução do litígio, da superação das diferenças e do retorno à unidade.

    Em Damasco, no campo entraram a equipe de professores da Universidade de Damasco e a equipe de amadores Nudzhum Surya. O jogo terminou com um resultado de 10:9 a favor do Nudzhum Surya. O principal não é o resultado, disse o organizador de atividades estudantis Bashar Zaabalavi à Sputnik Árabe, mas que a vida normal na Síria continua.

    O responsável por eventos esportivos da Universidade, Walid Abu as-Sal, acredita que este jogo, em primeiro lugar, diz a todos os países do mundo que a Síria ainda está viva e é capaz de ser unida. Em segundo lugar, isto é um apelo à nova geração para competir no esporte e não na política.

    Behaa Abbas, o dirigente do clube Basil al-Asad, disse que agora está começando um processo de renascimento das equipes esportivas universitárias, e isso significa que em breve os jogos e competições serão realizados por todo o país.

    Em Aleppo, no jogo de futebol competiram os times das partes oriental e ocidental da cidade. O resultado do encontro foi 5:5. Depois de assistir ao jogo, o ministro da Reconciliação Nacional, Ali Haidar, entregou medalhas aos jogadores. Ele desejou que as pessoas da cidade estivessem sempre unidas como durante o jogo que tinha decorrido. Pois no jogo crenças religiosas e políticas não são importantes, na mesma equipe podem jogar pessoas totalmente diferentes e isso não incomoda ninguém.

    Jogo de futebol na Síria
    © Sputnik / Nour Melhem
    Jogo de futebol na Síria

    Os convites para o jogo foram enviados via SMS para os celulares de cidadãos e foram distribuídos folhetos. Nos folhetos, que se destinaram aos bairros ocupados pelos militantes no leste de Aleppo, estava escrito: "Militantes, vocês podem participar ou assistir um jogo de futebol, que será realizado no estádio Hamdaniya na quinta-feira dia 12." Também a liderança síria solicitou que fosse permitido aos moradores, se eles quisessem, ir ao jogo. Não houve nenhum comentário dos militantes.

    Mais:

    Trump e Fillon poderiam ter impedido a crise síria
    Militar dos EUA é morto na Síria
    Tags:
    vida, militantes, jogo, futebol, esporte, Jogo de futebol, Aleppo, Damasco, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik