01:41 01 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1111
    Nos siga no

    As forças do governo sírio eliminaram terroristas que se encontravam nas proximidades de Harasta, considerado um dos baluartes de grupos radicais na província de Damasco, e continua cercando esse povoado, informou uma fonte da milícia à agência RIA Novosti na quinta-feira (24).

    Segundo um miliciano, no último dia o exército sírio "eliminou terroristas que se instalaram próximo a Harasta e ocuparam algumas fazendas nos seus arredores".

    "A ofensiva decorre em condições de forte apoio de artilharia. Os militantes do grupo Jaish al-Islam estão oferecendo forte resistência", revela.

    Na véspera, os militares iniciaram uma operação que visa cercar Harasta, situado a cerca de 10 quilômetros a nordeste de Damasco. Assumir controle desse povoado é essencial para restabelecer comunicações rodoviárias seguras entre Damasco e a cidade de Homs.

    Durante a última semana, o exército sírio e os destacamentos dos grupos terroristas Jaish al-Islam e Frente al-Nusra (ambos proibidos na Rússia) se têm enfrentado em combates intensos nos arredores dos povoados de Duma e Harasta. Os militares sírios contam com apoio da aviação militar que efetua ataques maciços contra as posições fortificadas e baterias dos militantes.

    O conflito armado no país começou ainda em 2011 entre grupos armados da oposição e o exército sírio. Combates, atentados e bombardeios já levaram as vidas de 300 a 400 mil pessoas, de acordo com os dados da ONU.

    Mais:

    Exército sírio atinge posições do Daesh e Frente al-Nusra nos arredores de Homs
    Exército sírio elimina destacamento do Daesh perto do aeródromo de Deir ez-Zor
    Exército sírio realiza ofensiva em Aleppo, terroristas sofrem perdas
    Tags:
    cerco militar, artilharia, ofensiva, exército sírio, Frente al-Nusra, Jaish al-Islam, Harasta, Damasco, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar