22:31 23 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Aleppo, Síria

    Damasco diz o que espera da nova administração dos EUA

    © REUTERS/ Abdalrhman Ismail
    Oriente Médio e África
    URL curta
    165471

    Damasco espera que "sob a nova administração, os EUA reconsiderem sua política em relação à Síria", embora ainda seja cedo para tirar algumas conclusões.

    "Qualquer pessoa razoável que analisa a política da administração cessante dos Estados Unidos vai caracterizá-la como incorreta, é necessário corrigi-la por meio do diálogo russo-americano", afirmou o ministro das Relações Exteriores sírio Walid Muallem em uma conferência de imprensa após conversas com o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura

    "O que nós realmente queremos da próxima administração norte-americana é que eles, ao invés de parar os grupos terroristas, refreiem os países da região conhecidos pelo apoio ao terrorismo", destacou Muallem. 

    Além disso, Damasco refuta a ideia de autonomia dos bairros orientais da cidade síria de Aleppo, disse o ministro.

    "Esta ideia foi rejeitada completamente, seria uma violação de nossa soberania nacional", disse ele. 

    O ministro sírio também disse que Damasco vai apoiar quaisquer negociações intra-sírias, sem intervenção externa no diálogo sobre o futuro. 

    A última rodada das negociações foi realizada em abril passado em Genebra, sem ter sido possível estabelecer um diálogo direto entre Damasco e representantes da oposição.

    Atualmente, o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, está em visita a Damasco para abordar a situação em Aleppo, palco de confrontos violentos entre grupos terroristas e as forças do governo.

    Mais:

    17 militantes do Daesh eliminados perto de Aleppo
    Manifestantes são mortos no Leste de Aleppo
    Tags:
    Walid Muallem, Síria, Leste de Aleppo, Aleppo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik