05:26 15 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Corredor humanitário no norte de Aleppo preparado para saída dos civis e extremistas da parte oriental da cidade

    Que é isso, 'companheiro'?: terroristas atacam seus próprios combatentes

    © Sputnik / Michael Alaeddin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 81
    Nos siga no

    Segundo pessoas que conseguiram fugir de Aleppo Oriental, os terroristas executam até o seus próprios combatentes que querem se entregar.

    De acordo com os dados do Ministério da Defesa da Rússia, na terça-feira, na parte oriental de Aleppo morreram 27 pessoas, centenas resultaram feridas na sequência de um ataque contra um comício de moradores locais.

    Conforme o major-general Igor Konashenkov, nesta parte da cidade está aumentando a resistência dos civis às ações dos jihadistas.

    Os terroristas também impedem os habitantes de Aleppo de saírem da cidade através dos corredores humanitários, minando as ruas.

    O Ministério da Defesa russo destaca que a Força Aeroespacial da Rússia não realizou os ataques nos últimos 29 dias.

    Na segunda-feira passada, os militantes rejeitaram o ultimato das forças do governo e recusaram abandonar Aleppo "antes de os militares recorrerem ao uso de armas de alta precisão". Um dia antes, os extremistas atacaram as posições das forças do governo perto do aeroporto da cidade usando projéteis com gás tóxico, deixando quase 30 feridos entre os soldados sírios.

    Mais:

    Trump pode reativar acordo com a Rússia sobre ataques conjuntos na Síria
    Deixar infortunados sem nada? ONU apela não oficialmente para cortar ajuda à Síria
    Todos os ataques aéreos russos na Síria 'são direcionados, proporcionados, verificados'
    Ministério da Defesa russo diz que retórica americana sobre Síria 'se baseia em mentiras'
    Tags:
    ataques terroristas, jihadistas, civis, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar