10:29 26 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9251
    Nos siga no

    O exército sírio cercou o povoado de Khan Alsheh situado a 26 quilômetros de Damasco, no sudoeste da Síria, e controlado por militantes do grupo terrorista Frente Fatah al-Sham (ex-Frente al-Nusra).

    De acordo com o canal de TV libanês Al Manar, o exército sírio tomou posições vantajosas a leste de Khan Alsheh, cortando possíveis rotas de fuga dos terroristas em direção à fronteira com a Jordânia.

    Os militantes cercados continuam oferecendo forte resistência. Segundo Al Manar, os extremistas estão sofrendo baixas consideráveis na sequência dos ataques de artilharia e aviação das forças do governo sírio.

    Ao mesmo tempo a fonte acrescenta que os terroristas da Frente Fatah al-Sham fizeram uma tentativa para contra-atacar as posições do exército sírio usando um carro armadilhado. Mas o plano dos militantes não deu certo, pois o suicida que estava no veículo foi eliminado pelo exército sírio.

    Desde março de 2011, a Síria vive um conflito armado no qual o governo enfrenta grupos de oposição armados e organizações terroristas, incluindo o Daesh e a Frente al-Nusra (proibidos na Rússia e em vários outros países). A guerra na Síria, segundo avaliações da ONU, já provocou a morte de 300 a 400 mil pessoas.

    Mais:

    Terroristas lançam foguetes contra hospital em Damasco
    Moscou e Damasco podem restabelecer pausas humanitárias em Aleppo
    Tags:
    cerco militar, suicida, resistência, fuga, Frente Fatah al-Sham, Al-Manar, Frente al-Nusra, Damasco, Síria, Jordânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar