12:20 18 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0141
    Nos siga no

    As unidades dos extremistas atacaram posições do exército sírio e das forças de autodefesa no sudeste da cidade síria de Aleppo e em uma série de bairros no leste da cidade. As tropas e a milícia rechaçaram algumas tentativas de assalto em várias zonas ao mesmo tempo, disse à RIA Novosti a fonte no Estado-Maior de operações em Aleppo.

    "Desde esta noite os militantes continuam fazendo tentativas de assalto contra as posições das tropas governamentais e da milícia. Eles atacam a partir de alguns bairros no leste e no sudoeste de Aleppo na área do mercado e no bairro 1070", disse a fonte.

    Segundo a fonte, na sexta-feira (28) de manhã, os jihadistas explodiram três veículos blindados minados antes do começo da ofensiva. As posições do exército na zona das escolas militares continuam sendo alvejadas. Durante toda a noite os bairros cristãos que ficam perto da frente e o bairro de Hamdania sofreram o fogo dos terroristas.

    Continuam os combates em diferentes partes da cidade. A artilharia das tropas governamentais toma a parte mais ativa em combates.

    Os grupos terroristas usaram a pausa humanitária para deslocar as suas forças. Segundo os dados de reconhecimento militar, durante os dias da trégua, os militantes deslocaram mais de 8 mil combatentes para bairro de Khan-Tuman, no sul, e Kafr-Hamra, no norte.

    Os terroristas fazem tentativas de romper o bloqueio de Aleppo na zona leste, onde as forças de reforço dos militantes estão bloqueadas.

    Mais:

    Ministério da Defesa russo: Três crianças mortas e 10 feridas em ataque a escola de Aleppo
    Terroristas usam sistemas de mísseis Grad em ofensiva no sudoeste de Aleppo
    Chancelaria russa: Declarações da OTAN sobre ações do grupo naval em Aleppo são absurdas
    Tags:
    Síria, Aleppo, Daesh, ataque, terroristas, combate, exército, ofensiva
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar