15:39 12 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    110
    Nos siga no

    Pelo menos treze soldados nigerianos ficaram feridos após combates com militantes do grupo extremista Boko Haram, segundo informaram nesta terça-feira as Forças Armadas.

    Em declaração oficial, o porta-voz do exército, coronel Sani Usman, disse que os confrontos ocorreram em Gashigar, cidade do estado de Borno, na fronteira com o Níger. De acordo com ele, há também soldados desaparecidos. 

    "Os soldados fizeram o seu melhor para defender uma localidade, em vão. No processo, treze soldados ficaram feridos, enquanto alguns ainda estão desaparecidos". 

    Membros do grupo Daesh, ao qual o Boko Haram jurou fidelidade, disseram através do Twitter, segundo a Reuters, que um total de 20 homens dos exércitos de Nigéria e Níger haviam sido mortos nos enfrentamentos. Usman negou essa informação. 

    Mais:

    Ataque do Boko Haram deixa cinco mortos na Nigéria
    Cerca de 250 mil crianças passam fome em região afetada pelo Boko Haram na Nigéria
    Boko Haram mata 32 soldados na fronteira Níger-Nigéria
    Tags:
    Daesh, Boko Haram, Sani Usman, Gashigar, Borno, Nigéria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar