19:54 16 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Militar sírio no  aeroporto de Deir ez-Zor

    Coalizão liderada pelos EUA se recusa a comentar ataque aéreo contra tropas da Síria

    © REUTERS / Thaer Al-Ajlani
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Ataque americano contra exército sírio (26)
    36224

    A coalizão liderada pelos EUA recusou-se a comentar o ataque aéreo contra posições do governo sírio perto do aeroporto de Deir ez-Zor Airport neste sábado (17). O ataque matou pelo menos 62 soldados e deu ensejo a uma ofensiva de militantes do Daesh (Estado Islâmico) que cercavam as tropas sírias no local.

    O serviço de imprensa da operação Resolução Inerente, que coordena as ações da coalizão internacional liderada pelos EUA contra grupos terroristas na Síria e no Iraque, recusou-se a comentar os ataques de hoje devido à “natureza sensível” do assunto, referindo a questão ao Comando Central dos EUA.

    Mais cedo neste sábado, o porta-voz do Ministério da Defesa russo, major-general Igor Konashenkov, disse que os aviões da coalizão haviam realizado quatro ataques contra as forças do governo sírio, matando 62 soldados e ferindo cerca de 100. O Observatório Sírio dos Direitos Humanos declarou que o número de baixas chegou a pelo menos 80 soldados.


    Tema:
    Ataque americano contra exército sírio (26)

    Mais:

    Moscou: Ataque contra tropas sírias pode ter resultado da relutância dos EUA em cooperar
    Aeronaves da coalizão internacional, liderada por EUA, atacaram tropas sírias
    Exército sírio informa sobre presença de 5.000 terroristas na província de Hama
    Tags:
    soldados, coalizão, aeroporto, ataque, Ministério da Defesa, Deir ez-Zor, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar