01:17 17 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Ruínas no território de escolas militares libertadas dos terroristas, Aleppo, Síria (foto de arquivo)

    EUA tentam ocultar que não respeitam cessar-fogo na Síria

    © Sputnik / Mikhail Alaeddin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6141
    Nos siga no

    A Rússia cumpre suas obrigações em relação ao cessar-fogo na Síria desde os seus primeiros minutos, disse o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov.

    "Desde os primeiros minutos que a Rússia cumpre as suas obrigações de assegurar o cessar-fogo na Síria. Ao mesmo tempo, geram perplexidade as declarações de vários representantes do Departamento de Estado dos EUA e do Pentágono sobre as perspectivas de 'cumprimento pela Rússia' dos acordos atingidos sobre a Síria", afirmou Konashenkov.

    O porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia sublinhou que depois de três dias do cessar-fogo "somente o Exército sírio o respeita".

    "[Isso acontece] enquanto a 'oposição moderada' apoiada pelos EUA aumenta o número de disparos contra bairros residenciais. Além disso, há a impressão de que o objetivo desta 'cortina de palavras' de Washington visa ocultar o fato de que não cumprem a sua parte das obrigações. Principalmente, no que se refere a separar ‘a oposição moderada’ dos terroristas", disse Konashenkov.

    Além disso, o representante militar russo afirmou que o governo sírio está completamente pronto para retirar as tropas da rodovia Castello para assegurar uma passagem segura de comboios humanitários da ONU para a cidade de Aleppo.

    Mais:

    EUA e Rússia concordam em estender trégua na Síria
    Mais de 600 regiões aderem ao cessar-fogo na Síria, mas as violações continuam
    Estado-Maior russo defende extensão de 48h do cessar-fogo na Síria
    Kerry busca abafar críticas ao plano de cessar-fogo na Síria entre EUA e Rússia
    Coalizão liderada pelos EUA fala em novas vítimas civis na Síria
    Tags:
    implementação, cessar-fogo, Ministério da Defesa (Rússia), Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar