01:04 23 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Cerimônia de despedida com o presidente Islam Karimov na cidade de Samarcanda, no Uzbequistão

    'Sucessor do presidente uzbeque pode ampliar laços com Rússia'

    © REUTERS/ Stringer
    Oriente Médio e África
    URL curta
    11524112

    O sucessor do falecido presidente uzbeque, Islam Karimov, poderá ampliar relacionamento com Rússia, informa o professor da Universidade George Washington, Sebastien Peyrouse.

    Trata-se de ampliar as relações no âmbito da Organização do Tratado de Segurança Coletiva (OTSC) e da Comunidade Econômica Euroasiática (CEEA).

    O presidente uzbeque, Islam Karimov, faleceu na semana passada aos 78 anos. Ele assumiu o cargo da presidência há 25 anos, sendo o primeiro presidente da ex-república soviética. Ainda não se sabe quem será seu sucessor.

    Segundo informou Peyrouse à agência Sputnik no domingo passado, é esperado ampliação de cooperação com a Rússia. Além disso, é possível o retorno da República do Uzbequistão à OTSC.

    Na opinião do professor, um diálogo mais amplo com a Rússia poderá contribuir para maior interação do país na CEEA, caso o atual primeiro-ministro Shavkat Mirziyoyev se torne presidente.

    A situação interna do Uzbequistão pode implicar em riscos maiores do que a ameaça de grupos terroristas do Talibã ou do Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países).

    Peyrouse acredita que o cargo de presidente será possivelmente assumido pelo atual primeiro ministro Shavkat Mirziyoyev ou pelo vice-primeiro-ministro Rustam Azimov. Na opinião dele, caso os dois favoritos cheguem a um acordo quanto à divisão do poder, inclusive no que diz respeito ao Serviço de Segurança Nacional, o autoritarismo poderá continuar prevalecendo no país.

    Além da perda do presidente, o Uzbequistão vem enfrentando sérios desafios: aumento da pobreza, corrupção, sistemas de saúde e educação deficientes.

    Tags:
    desafios, autoritarismo, presidente, sucessores, Organização do Tratado de Segurança Coletiva (OTSC), Talibã, Daesh, Comunidade Econômica Euroasiática, Islam Karimov, Rússia, Uzbequistão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik