18:19 28 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    251
    Nos siga no

    A Moscou recebeu pela primeira vez de Washington a relação de assentamentos que adotaram o cessar-fogo na Síria através da coalizão internacional liderada pelos EUA, declarou hoje (26) o ministro russo das Relações Exteriores, Sergei Lavrov.

    “Aliás, nós recebemos hoje pela primeira vez dos colegas americanos a lista de organização que se juntaram ao regime de cessar-fogo através da coalizão americana” – disse Lavrov ao fim de uma reunião em Genebra com o Secretário de Estado dos EUA John Kerry.

    Lavrov deixou igualmente claro que a trégua é inviável sem que haja um entendimento mútuo sobre quem é terrorista e quem é oposição na Síria. Segundo ele, avanços nesse sentido, no entanto, estão sendo observados entre a Rússia e os EUA.

    Kerry, por sua vez, declarou depois do encontro com seu colega de pasta russo, que os dois países não pretendem ter pressa para finalizar o desenvolvimento do acordo de trégua na Síria.

    “Não iremos nos apressar muito com o acordo até que ele satisfaça plenamente as necessidades do povo sírio e as capacidades da comunidade internacional de resolver esses problemas de maneira a mostrar resultados reais. É isso que buscamos” – disse Kerry.

    De acordo com o Ministério de Defesa da Rússia o número de assentamentos que se juntaram ao regime de cessar-fogo na Síria chegou a 471 na quinta-feira (25).

    Tags:
    assentamentos, relação, cessar-fogo, Sergei Lavrov, John Kerry, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar