00:21 15 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    270
    Nos siga no

    O presidente russo Vladimir Putin expressou, nas condolências enviadas ao seu homólogo turco devido à tragédia ocorrida na noite passada, a sua prontidão de intensificar a luta internacional contra o terrorismo.

    O acidente que provocou 50 mortos e quase 100 feridos aconteceu durante uma festa de casamento na cidade turca de Gaziantep. Ali Yerlikaya, governador da província turca qualificou o ocorrido como atentado terrorista.

    O presidente turco afirmou que o ataque foi da responsabilidade da organização terrorista Daesh (proibida na Rússia).

    Vladimir Putin expressou as suas condolências aos parentes das vítimas e fez votos de rápida recuperação dos feridos.

    O serviço de imprensa do Kremlin leva as palavras do presidente russo:

    "O delito cometido em plena cerimônia de casamento impressionou por sua crueldade e cinismo. Mais uma vez vimos que o terrorismo não aceita não apenas as leis da sociedade civilizada mas também as normas essenciais da moral humana".

    O líder russo sublinhou que esta tragédia lembrou mais uma vez da importância da união dos esforços da comunidade internacional e da cooperação com os parceiros turcos.

    Mais:

    Explosão em ponto de ônibus na Turquia
    Explosão de carro-bomba na Turquia - fonte nos órgãos de segurança
    Número de vítimas de atentado em Ancara chega a 34
    Putin condena atentado a bomba em Ancara
    Tags:
    combate ao terrorismo, condolências, casamento, explosão, Vladimir Putin, Recep Tayyip Erdogan, Gaziantep, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar