16:48 28 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0262
    Nos siga no

    Bombardeiros russos Tu-22M3 e Su-34 partiram de aeródromos na Rússia e no Irã e realizaram um ataque conjunto contra instalações do Daesh na província síria de Deir ez-Zor, informou o Ministério da Defesa da Rússia na quinta-feira (18).

    "Em 18 de agosto de 2016 bombardeiros de longo alcance Tu-22M3 e bomabrdeiros Su-34, tendo partido dos seus aeródromos no território da Federação da Rússia e da República Islâmica do Irã, realizaram um ataque aéreo conjunto contra instalações do grupo terrorista na província de Deir ez-Zor", diz-se no comunicado do ministério.

    Destaca-se que como resultado do ataque, foram eliminados cinco armazéns de munições e combustível, seis postos de comando, grande número de terroristas, posições de artilharia e equipamento blindado dos jihadistas.

    O apoio aéreo foi prestado por aviões Su-30SM e Su-35S do aeródromo de Hmeymim. Depois de ter completado a missão, todos os aviões voltaram para os seus aeródromos.

    Na terça-feira (16), a Força Aeroespacial russa pela primeira vez usou o aeródromo de Hamadã para alvejar instalações do Daesh e da Frente al-Nusra (grupos terroristas proibidas na Rússia). Mais antes, a Força Aeroespacial russa realizava ataques a partir de base aérea de Hmeymim na Síria.

    Mais:

    Daesh volta a usar armas químicas em Aleppo
    Este país pode se tornar o novo centro de operações do Daesh
    Forças curdas libertam vilas em Mossul e repelem ataques do Daesh
    Tags:
    Rússia, Síria, Irã, Hmeymim, Hamadã, Daesh, Su-34, Tu-22M3, terroristas, ataque aéreo, posições, aeródromos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar