05:06 25 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    208
    Nos siga no

    Os grupos terroristas Frente Fatah al-Sham (antiga Al Nusra) e Daesh (proibido na Rússia) bombardearam nas últimas 24 horas as províncias de Aleppo, Damasco e Homs, informou o Centro para a Reconciliação na Síria russo.

    "Os terroristas dispararam com artilharia e morteiros contra várias localidades e bairros de Aleppo", disse a entidade em um comunicado publicado no site do Ministério de Defesa.

    Também foram atacados as localidades de Harasta, Erbil, Haush Nasri, Kabun e Al Bahariya na província de Damasco.

    Em Homs, a artilharia dos jihadistas atingiu Jubb Al Jarah e outros povoados.

    "As organizações terroristas Frente al-Nusra e Daesh continuam a impedir a cessação total das hostilidades", conclui o texto.

    Em 30 de setembro de 2015, Moscou começou sua campanha antiterrorista na Síria, a pedido de Damasco, durante a qual a Força Aeroespacial Russa realizou ataques aéreos contra alvos do Daesh.

    Em 27 de fevereiro foi acordado um cessar-fogo no país, mediado pela Rússia e EUA, países membros do Grupo Internacional de Apoio à Síria, e aprovado por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU. A trégua não se estende aos grupos que as Nações Unidas classificam como terroristas, incluindo a Frente al-Nusra e o Daesh.

    Mais:

    Ministro da Defesa da Rússia: muitos combatentes na Síria não sabem pelo que estão lutando
    Rússia explica sua decisão de não implantar armas nucleares na base aérea da Síria
    Malgrado a posição do Ocidente, Rússia continua presente na Síria
    Tags:
    morteiros, ataques terroristas, Frente Fatah al-Sham, Daesh, Frente al-Nusra, Homs, Aleppo, Damasco, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar