04:31 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Chuva de meteoros Perseidas na Rússia, 12 de agosto de 2019

    Humanidade tem que recear asteroide enorme que se aproxima da Terra?

    © Sputnik / Vitaly Timkiv
    Análise
    URL curta
    5173
    Nos siga no

    Um asteroide enorme do tamanho da Grande Pirâmide de Gizé se aproxima da Terra, informa a NASA. O especialista russo em estudos espaciais Natan Eismont comenta a situação em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik.

    O asteroide "potencialmente perigoso", que supera o tamanho da Grande Pirâmide de Gizé, vai se aproximar da Terra no fim de agosto, segundo os dados da NASA.

    No dia 28 de agosto o asteroide 2019 U1, com diâmetro de 160 metros, estará a uma distância da Terra que é 40 vezes menor que a distância entre a Terra e Vênus. O asteroide vai se cruzar com a Terra a uma distância de cerca de um milhão de quilômetros.

    O especialista russo Natan Eismont, do Instituto de Estudos Espaciais da Academia de Ciências da Rússia, afirmou em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik que todos os asteroides grandes que são perigosos para a Terra são conhecidos dos cientistas.

    "Os asteroides que representam perigo estão em grande medida catalogados. Inclusive os "asteroides do tamanho da Pirâmide de Gizé". O encontro de um asteroide deste tamanho com a Terra seria uma grande catástrofe. Agora a situação é a seguinte: as pessoas gostam de serem assustadas, por isso declarações, anúncios destes aparecem com frequência. Descobre-se um asteroide, mas ele passa ao lado – os parâmetros de seu movimento são determinados por uma quantidade insuficiente de observações e ao final se revela que o perigo foi exagerado, porque os parâmetros de movimento do corpo celeste não foram determinados com precisão", disse Natan Eismont.

    Antes, a Agência Espacial Europeia (ESA) renovou a lista dos objetos cósmicos que representam perigo para a Terra.

    Considera-se que o incidente mais próximo seria a colisão hipotética da Terra com o asteroide 2006QV89. Segundo os especialistas da Agência, isso pode acontecer no dia 9 de setembro deste ano. A probabilidade deste evento é de uma chance em sete mil. Agora o asteroide está a uma distância de cerca de 6,7 milhões de quilômetros da Terra.

    O asteroide 2010RF12 encabeça a lista dos asteroides potencialmente perigosos. Cientistas supõem que a aproximação perigosa do corpo celeste com a Terra aconteça em 2095. A probabilidade da colisão é de uma chance em 16.

    As opiniões expressas nesta matéria podem não necessariamente coincidir com as da redação da Sputnik

    Mais:

    Explosão de meteorito em Júpiter é flagrada em VÍDEO e FOTOS
    Publicado VÍDEO de aterrissagem de sonda japonesa no asteroide Ryugu
    Asteroide que 'raspou' na Terra foi identificado por brasileiros, revela jornal
    Tags:
    corpo celeste, Cosmos, asteroide
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar