21:31 14 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Lançamento do míssil hipersônico russo Kinzhal

    Qual é a principal particularidade do novo míssil do sistema de defesa russo?

    © Sputnik / Ministério da Defesa da Rússia
    Análise
    URL curta
    1140

    No Cazaquistão foi levado a cabo com sucesso o lançamento do novíssimo míssil do sistema de defesa antimíssil russo. Na entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, o especialista militar Aleksei Podberezkin explicou qual é a diferença entre este míssil e o anterior.

    Conforme o Ministério da Defesa da Rússia, no Cazaquistão foi efetuado um teste bem sucedido do novo míssil modernizado do sistema nacional de defesa antimíssil.

    É sublinhado que a arma modernizada é capaz de voar à velocidade de aproximadamente 4km/sec. (14.400 Km/h). Além disso, os militares destacaram que os mísseis desta classe não possuem análogos no mundo.

    O Ministério da Defesa adicionou que, em condições de combate reais, os mísseis adversários serão completamente destruídos à distância e altitude máximas da instalação a proteger.

    O analista militar Aleksei Podberezkin, na entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, comentou os testes do míssil.

    "É mais um teste do novo míssil, que é diferente do anterior. Antes de mais, tem maior velocidade e capacidade de atingir alvos balísticos intercontinentais. O problema da intercepção sempre foi o problema da velocidade. Mas esse problema foi resolvido. Os testes começaram ainda no ano passado, estão em curso com sucesso, por isso acho que estes mísseis vão entrar em serviço e integrar os sistemas S-400 e S-500, que são destinados a derrubar quaisquer alvos — tanto balísticos, como aerodinâmicos. O S-400 é, talvez, o melhor sistema na história da humanidade, capaz de interceptar quase todo o tipo de alvos, desde mísseis de cruzeiro até mísseis balísticos de médio alcance. Já o novo sistema S-500 é capaz de interceptar, entre outros, mísseis balísticos intercontinentais, bem como de rastrear e atingir grande número de alvos simultaneamente", explicou Podberezkin.

    Mais:

    Novíssimo míssil russo Avangard 'reduz a zero' capacidades de defesa adversária
    Rússia treina uso conjunto de caças MiG-31 com mísseis Kinzhal e bombardeiros Tu-22M3
    Analista: míssil russo Kinzhal é fruto da má vontade dos EUA de discutir defesa antimíssil
    Tags:
    defesa antiaérea, defesa antimísseis, mísseis balísticos intercontinentais, teste, Ministério da Defesa (Rússia), Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik