23:29 22 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Sistemas russos de defesa antiaérea S-400

    Ocidente está despreparado para aproximação da Turquia à Rússia, opina analista

    © Sputnik / Sergey Malgavko
    Análise
    URL curta
    4140

    Uma das prioridades nas relações entre os EUA e Turquia é prevenir que Ancara compre sistemas de defesa antiaérea S-400 russos. O especialista militar, Amur Gadzhiev, em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, esclareceu as razões da preocupação de Washington.

    Wess Mitchell, assessor do secretário de Estado para Assuntos da Europa e Eurásia, declarou na terça-feira (26) que a prevenção da compra de sistemas de defesa antiaérea S-400 russos é uma das prioridades nas relações turco-americanas.

    O Congresso dos EUA está examinando duas opções orçamentárias no que diz respeito à defesa para o ano de 2019, que preveem consequências para a Turquia, caso ela se apodere dos sistemas russos em questão.

    Os documentos serão mesclados em um só. Atualmente, em um deles está sendo discutido o fim da venda de armamentos de alta tecnologia para a Turquia, incluindo caças de quinta geração F-35, já no outro a conversa é diferente: introdução de sanções contra Ancara.

    Ao tomar conhecimento sobre estes dois documentos, o chanceler turco, Mevlut Cavusoglu, declarou que Ancara não abrirá mão da compra de sistemas russos.

    O especialista em Turquia, Amur Gadzhiev, em entrevista ao serviço russo da Rádio Sputnik, explicou quais são as razões da preocupação de Washington.

    "Os EUA buscam manter a Turquia na órbita de influência. Os últimos acontecimentos demonstram que a Turquia vem se afastando precipitadamente desta órbita e se tornando mais independente graças ao vetor eurasiático e, concretamente, ao vetor russo da política externa. Claro que isso preocupa o Ocidente: a perspectiva de transformação da Turquia em um sujeito independente da política regional não lhe convém. O Ocidente percebe que a aproximação entre Rússia e Turquia faz com que ele perca as alavancas para pressionar a Turquia", afirmou.

    Para Gadzhiev, o Ocidente se preocupa não somente por causa da compra de armamento russo pela Turquia, mas devido ao fortalecimento dos laços russo-turcos em geral.

    A cooperação entre Turquia e Rússia nas áreas política, militar e de energia — "tudo isso preocupa o Ocidente que se acostumou a notar a Turquia como um país promotor dos seus interesses na região. […] O Ocidente se mostrou despreparado ao ver a Turquia aplicando uma política externa independente, uma política multifacetada", resumiu o analista.

    Mais:

    EUA prometem 'introduzir sanções' contra Turquia caso país compre sistemas russos S-400
    Presença crescente dos EUA na Europa coloca Rússia em alerta
    Turquia ignora Congresso dos EUA, fecha com Pentágono e garante: 'Teremos os F-35'
    Tags:
    defesa antiaérea, s-400, Wess Mitchell, Mevlut Cavusoglu, Turquia, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik