04:30 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Iraniano lê jornal Omid Javan com foto do presidente dos EUA, Donald Trump, com uma manchete escrita em persa Trump louco e lógica do JCPOA (Plano de Ação Conjunto Global), 14 de outubro de 2017

    Ideia de mudança do regime iraniano está na 'genética' dos EUA

    © AFP 2018 / STR
    Análise
    URL curta
    341

    O presidente dos EUA, Donald Trump, informou que no dia 8 de maio fará um pronunciamento sobre o rumo do acordo nuclear iraniano.

    Em entrevista concedida ao serviço russo da Rádio Sputnik, o cientista político Konstantin Blokhin expressou sua opinião em relação aos objetivos de Washington.

    "O curso moderno dos Estados Unidos visa intensificar o confronto com o Irã. A classe política norte-americana delira com a ideia de mudança de regime naquele país. E, certamente, isso implica no abandono do acordo nuclear e deterioração da situação", afirma o especialista.

    Segundo ele, as relações entre os EUA e o Irã pioraram ainda em 1979, quando o xá abandonou o seu país e, desde então, a ideia de mudança do regime no Irã está na 'genética' da classe política dos EUA.

    "Agora os norte-americanos junto com Israel querem mirar o Irã, acertá-lo na mosca. Isso não deu certo com a Coreia do Norte […] Podemos dizer que o Irã se tornará 'invencível' caso receba armas nucleares. Para que isso não aconteça, os Estados Unidos estão dispostos a fazer de tudo", concluiu Blokhin.

    Nesta terça-feira (8), Donald Trump anunciará sua decisão final sobre sua retirada do Plano de Ação Conjunto Global (JCPOA, na sigla em inglês) firmado entre a comunidade internacional e o Irã em 2015, que garante a natureza pacífica do programa nuclear iraniano em troca do cancelamento das sanções que foram impostas ao país.

    Os aliados europeus dos EUA se opõem a essas duras medidas. Por sua vez, a Rússia expressa esperança pela preservação do acordo nuclear iraniano em sua forma atual.

    Entretanto, o Irã novamente alertou sobre consequências prejudiciais caso o acordo seja rompido. O presidente iraniano Hassan Rouhani declarou que as autoridades do país estão preparadas para qualquer decisão do líder norte-americano.

    Mais:

    Irã promete bater de frente com Trump caso EUA rompam acordo nuclear
    Irã diz que não aceita renegociar acordo nuclear
    Putin: acordo nuclear com Irã deve ser respeitado por todas as partes
    Tags:
    armas nucleares, acordo nuclear, Hassan Rouhani, Donald Trump, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik