07:17 24 Março 2017
Ouvir Rádio
    Lugansk retira 70% das armas pesadas da linha de contato do conflito ucraniano

    Enviado russo na OSCE observa progresso no cessar-fogo do conflito ucraniano

    © Sputnik/ Mikhail Voskresensky
    Notícias
    URL curta
    Ucrânia: campo de batalha (286)
    0 14510

    O enviado russo na Organização para a Segurança e Cooperação da Europa (OSCE), Andrei Kelin, afirmou que foi feito um progresso significante por parte das forças de segurança da Ucrânia e das milícias populares de Donetsk e Lugansk, do leste da Ucrânia, no que diz respeito à retirada de armamento pesado e monitoramento do cessar-fogo.

    Segundo ele, as partes (Rússia e Ucrânia) estão esperando a confirmação da missão de monitoramento da OSCE de que as armas pesadas foram realmente retiradas da área de confronto para as distâncias acordadas. Andrei Kelin acrescentou, no entanto, que, infelizmente, confrontos têm sido relatados ao redor do aeroporto de Donetsk e na parte sul da região. 

    De acordo com os relatórios da missão de monitoramento do conflito ucraniano, as forças ucranianas continuam usando artilharia que era para ser retirada das posições controladas pelas forças independentistas do leste ucraniano. 

    Andrei Kelin comentou que o aeroporto de Donetsk tem sido bombardeado de 20 a 40 vezes diariamente. 

    O novo acordo de paz, firmado em Minsk entre os líderes da Rússia, da Ucrânia, da França e da Alemanha, inclui um cessar-fogo global no leste da Ucrânia a partir do dia 15 de fevereiro. Segundo o acordo, o armistício deve ser seguido pela retirada das armas pesadas da zona de conflito, operação que deve começar "o mais tardar no segundo dia do cessar-fogo e estar concluída no prazo de 14 dias". 


    Tema:
    Ucrânia: campo de batalha (286)

    Mais:

    Cessar-fogo: OSCE relata retirada em massa das armas pesadas no leste da Ucrânia
    Observadores da OSCE confirmam retirada de armas pesadas em Donbass
    Lugansk retira 70% das armas pesadas da linha de frente
    Moscou cobra da OSCE monitoramento da retirada de armas pesadas na Ucrânia
    Tags:
    conflito, OSCE, Donetsk, Donbass, Ucrânia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik