07:30 28 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Notícias
    URL curta
    0 46
    Nos siga no

    As autoridades gregas receberam uma advertência pública do Ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble. Em entrevista ao diário Bild am Sonntag, publicada neste domingo, 1º de março, ele afirmou que seu país defende a permanência da Grécia na Zona do Euro, porém é preciso que Atenas cumpra o acordo e modere suas declarações.

    Schäuble destacou que ninguém forçou a Grécia a um programa de ajuda. Ele disse que os acordos assinados estão em vigor e que Atenas deve continuar realizando os ajustes e as reformas acordadas como contrapartida. O ministro alemão deixou claro que, se Atenas não cumprir seus compromissos, não haverá mais aportes.

    Braço direito da Chanceler Angela Merkel, Schäuble afirmou que tanto o Primeiro-Ministro grego, Alexis Tsipras, quanto seu Ministro das Finanças, Yanis Varoufakis, deveriam baixar o tom. O alemão, porém, salientou que dá mais valor aos acordos do que às declarações e que seu colega de pasta na Grécia se comportou com ele de forma absolutamente correta.

    Mais:

    Parlamento alemão deve aprovar prorrogação da ajuda à Grécia
    União Europeia chega a acordo para estender ajuda à Grécia
    Grécia e Chipre se mantêm na linha de frente contra as sanções antirrussas
    Tags:
    Grécia, Atenas, Alemanha, Wolfgang Schäuble, Alexis Tsipras, Angela Merkel, Yanis Varoufakis, Bild am Sonntag
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar