Fernando Haddad, candidato à Presidência pelo Partido dos Trabalhadores (PT), durante coletiva de imprensa no Rio de Janeiro.

Haddad participa de sabatina a menos de 2 dias da eleição

© Sputnik / Solon Neto
Notícias
URL curta
463

Fernando Haddad, candidato à presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores (PT) participa nesta noite de uma sabatina na TVE Bahia.

A pouco mais de um dia para o segundo turno da eleição, Haddad, que aparece atrás do seu rival, Jair Bolsonaro (PSL), nas pesquisas de intenção de votos, aproveita essa última oportunidade para tentar convencer eleitores indecisos de que é a melhor escolha para governar o Brasil ao longo dos próximos quatro anos, apesar de seu alto índice de rejeição.

No programa de hoje, que ocorre em substituição a um debate que estava marcado para acontecer na TV Globo mas acabou sendo cancelado após Bolsonaro decidir não comparecer, o candidato petista será entrevistado pelos jornalistas Bob Fernandes, da TV Gazeta, Juca Kfouri, da TVT, Regiane Oliveira, do EL PAÍS Brasil, e Tereza Cruvinel, do Jornal do Brasil. 

Ordenar as mensagens
  • 22:54

    Considerações finais

    Fernando Haddad diz lamentar decisões da Rede Globo e de Jair Bolsonaro em relação ao debate que estava programado para esta noite. 

    Jair Bolsonaro (dir.) e Fernando Haddad (esq.) durante votação no primeiro turno

    Datafolha: Bolsonaro tem 56% dos votos válidos e Haddad 44%; diferença cai 6 pontos

    Na contagem dos votos válidos, que excluem os votos brancos, nulos e daqueles que se declaram indecisos, o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) tem 56% das intenções de voto, contra 44% de Fernando Haddad (PT).
    Mostrar mais
  • 22:50

    Gás de cozinha e futebol

    Candidato responde a perguntas sobre proposta para regulação do preço do gás de cozinha e também sobre o mercado do futebol no Brasil. 

  • 22:45

    Liberdade de imprensa

    Fernando Haddad diz que não pode haver pesos diferentes na atuação dos órgãos de comunicação na eleição. Mais especificamente, o candidato questiona decisão da Rede Globo de manter programa eleitoral no Distrito Federal, apesar de apenas um candidato comparecer ao que seria um debate, e cancelar o debate presidencial após Bolsonaro dizer que não iria. 

    Candidato também fala de censura e concessões. 

  • 22:40

    Favorável às investigações

    Candidato do PT à presidência comenta denúncias de Caixa 2, dizendo que defende a atuação da Lava Jato até o fim. "Eu acho que a Lava Jato tem que ir até as últimas consequências", diz ele, pedindo que a investigação seja ampla e não partidária.

  • 22:35

    Fakenews: o que fazer?

    Para Haddad, legislação brasileira é bastante razoável para lidar com os novos meios de comunicação, mas precisa ser respeitada. "Eu não preciso de fake news contra o Bolsonaro", diz o petista, chamando o concorrente de figura "grotesca". 

    WhatsApp

    As Fake News podem influenciar as eleições no Brasil?

    As Fake News estão na boca do povo e na ponta dos dedos dos eleitores. Elas se espalham pelas redes sociais e apresentam um desafio para a Justiça Eleitoral, assim como para o jornalismo. Para falar sobre esse fenômeno eleitoral, a Sputnik Brasil entrevistou o cientista político da Universidade de São Paulo (USP), Pablo Ortellado.
    Mostrar mais
  • 22:33

    Jornalistas ameaçados

    Ex-ministro da Educação reclama de ataques à imprensa realizados por seguidores de Jair Bolsonaro, destacando também outros ataques nas ruas.

    WhatsApp

    Jornalista que denunciou possível 'Caixa 2 de Bolsonaro' sofre ataques na Internet

    A jornalista Patrícia Campo Mello está sofrendo ataques através de redes sociais devido à publicação de uma reportagem em que denuncia um suposto esquema de empresários e contratos milionários para publicações de notícias contra o PT via WhatsApp.
    Mostrar mais
  • 22:29

    Qual sua visão sobre a Venezuela?

    A Venezuela está com problemas e todo mundo é capaz de ver, diz Haddad. De acordo com o candidato, é preciso buscar uma saída democrática para a crise no país vizinho. "O Brasil tem que ter a altivez de ajudar a Venezuela". 

  • 22:26

    Economia

    Candidato acusa especuladores de espoliar o cidadão brasileiro. Segundo ele, o país precisa se defender dos grandes especuladores. Ele promete criar medidas nesse sentido.

  • 22:22

    Presidenciável comenta ausência de uma grande frente política contra a suposta 'ameaça fascista'

    "Tá todo mundo com medo", diz Haddad. Para candidato, mesmo que não seja pessoalmente violento, Bolsonaro incita a violência e o ódio nas pessoas.

  • 22:14

    Candidato petista fala sobre ditadura militar

    Manifestantes pró-democracia carregam cartazes que dizem Democracia sempre mais! Ditadura nunca mais! e A nova geração grita: Ditadura nunca mais! durante o ato de 1 de abril de 2015 em Brasília

    Metade dos brasileiros crê que há 'alguma chance' de nova ditadura no Brasil, diz pesquisa

    Um total de 50% dos cidadãos brasileiros acredita que o país corre o risco de viver uma nova ditadura, como aquela que perdurou mais recentemente entre 1964 e 1985, de acordo com uma pesquisa do instituto Datafolha divulgada nesta sexta-feira.
    Mostrar mais
  • 22:08

    Autocrítica?

    Candidato responde a pergunta sobre erros cometidos pelo PT no passado, defendendo virtudes do partido. 

  • 22:06

    Haddad comenta discursos autoritários e atitudes antidemocráticas

    Petista diz que Bolsonaro não tem vínculos com a democracia e é uma figura muito perigosa para o país.

  • 22:01

    'Bolsonaro é continuação do governo Temer, para pior'

    Fernando Haddad fala sobre seu crescimento nessa reta final de campanha, demonstrando acreditar em uma virada sobre o rival no próximo domingo, 28. Mais uma vez, o candidato critica Jair Bolsonaro, chamando-o de frouxo, por não comparecer aos debates. "Ele não é a mudança".

  • 21:56

    Haddad diz que não é fantoche, mas Bolsonaro, sim

    Respondendo a pergunta sobre possível atuação do ex-presidente Lula em um eventual governo seu, o petista afirmou que não é fantoche do ex-chefe de Estado, e aproveitou para atacar o candidato do PSL.

  • 21:54

    Começa a sabatina com Haddad na TVE Bahia

    Presidenciável do PT inicia sua fala criticando seu adversário pela decisão de não comparecer ao debate que seria realizado na TV Globo. Bolsonaro também recusou participar do programa da TVE Bahia.

Mais:

Defesa e política externa: especialistas comparam projetos de Haddad e Bolsonaro
Ibope: Haddad diminui distância de Bolsonaro
Educação e saúde: especialistas comparam planos de Bolsonaro e Haddad
Marina Silva declara 'voto crítico' em Haddad no segundo turno
Haddad chama Bolsonaro de 'aberração' e desafia candidato do PSL
Tags:
sabatina, entrevista, eleição, TVT, TVE Bahia, PSL, PT, Jair Bolsonaro, Fernando Haddad, Bahia, Brasil
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik
  • Comentar