Temer participa de reunião sobre a crise com venezuelanos em Roraima

Temer pede pacificação do país e tolerância nas eleições

© Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Notícias
URL curta
513

O presidente Michel Temer divulgou um vídeo nesta sexta-feira (5) em que pediu a pacificação do Brasil após as eleições e a aceitação das diferenças entre os eleitores.

“A democracia se impõe a todos nós. É o regime da convivência pacífica, da aceitação do contraditório, da tolerância com as diferenças. O eleitor escolhe o governante e também a oposição, cujo papel é fiscalizar e cobrar do vencedor segundo as regras do jogo constitucional”, afirmou Temer. 

​De acordo com ele, o eleitor é "soberano" na hora do voto e deve votar no projeto que acredita ser o melhor para todos. 

“Ao votar você está dando uma procuração para que conduzam sua casa maior, que é o seu país. Escolha o melhor projeto para todos, de acordo com sua consciência. Vote em paz consigo mesmo e com seu semelhante, mesmo que a escolha dele seja outra. Na hora do voto, você é soberano”, disse o presidente, disse. 

“Terminada a disputa é hora de pacificar o Brasil. Somos 208 milhões de pessoas, somos firmes, reivindicadores, consicentes dos direitos e deveres, mas somos acolhedores, tolerantes e defensores da paz”, acrescentou o presidente. 

Mais:

Eleições ao Congresso seriam verdadeira razão da 'cruzada' americana contra China?
Com polarização em alta, 28 mil soldados farão segurança das eleições
Temer pede para que população aceite resultado das eleições com naturalidade
Pence: 'Interferência' russa nas eleições americanas 'não é nada' comparada com a chinesa
Tags:
pacificação, presidente, eleições, Michel Temer, Brasil
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik