04:02 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    0 01
    Nos siga no

    Ainda que bombeiros tenham sido acionados, não foi possível salvar a vida dos três cachorros atacados por um enxame de abelhas.

    O Departamento de Bombeiros da cidade de Tucson, nos Estados Unidos, informou na quinta-feira (14) sobre uma operação de resgate para salvar três cachorros em uma rua do município, depois dos animais terem sido atacados por um enxame de abelhas agressivas.

    Apesar dos esforços dos bombeiros, um dos cachorros morreu no local e os outros dois morreram depois de serem transferidos ao veterinário.

    Os bombeiros se viram obrigados a matar as abelhas como única forma de tentar resgatar os cachorros. "A equipe está vaporizando as abelhas agressivas antes de atender os cachorros. Não gostamos de matar preciosas abelhas, mas neste caso excepcional é necessário", comentaram os bombeiros em redes sociais.

    O serviço de emergência, que não revela informações sobre a identidade dos donos dos cachorros, advertiu a população sobre o possível perigo destes insetos para animais de estimação.

    "Estejam sempre atentos a seus animais, por favor, ainda mais quando existem abelhas no território de sua propriedade", comunicaram.

    Neste ano, em paralelo aos temores da pandemia do coronavírus, os Estados Unidos presenciam o desafio de lidar com vespas asiáticas, que têm rapidamente ganhando o território da América do Norte. No momento, cientistas buscam identificar suas colônias para erradicá-las.

    Mais:

    Fóssil de 100 milhões de anos é registro mais antigo de abelha infestada de parasitas (FOTO)
    Cachorro sobrevive a ataque de jacaré de 3 metros
    Abelhas unidas jamais serão vencidas em torno de grande favo de mel
    Tags:
    resgate, bombeiros, cachorros, abelhas, vida selvagem
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar