04:35 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    381
    Nos siga no

    Scott C. Waring, o famoso "caçador de extraterrestres", considera montanhas esconderijos ideais para viajantes espaciais. No entanto, a comunidade científica tem rejeitado suas conclusões.

    De acordo com entusiastas proeminentes de OVNIs, algumas das altas montanhas da Terra são frequentemente usadas por extraterrestres para fins de isolamento. Pessoas têm relatado um frequente avistamento de objetos voadores estranhos durante a quarentena mundial.

    Uma suposta nave espacial foi capturada em câmera enquanto entrava no vulcão Monte Hood, disse o caçador alienígena Scott C. Waring em seu blog, afirmando que "altíssimos vulcões e montanhas estão sendo usados como entradas para bases alienígenas subterrâneas".

    O suposto avistamento de OVNI ocorreu em 28 de fevereiro, revelou o teórico da conspiração, quando o autor do vídeo original estava testando a nova câmera enquanto sobrevoava o vulcão de 3,4 quilômetros de altitude Monte Hood, no estado de Oregon, EUA.

    De acordo com Waring, "eles nem sequer viram o OVNI até chegarem em casa e olharem para o vídeo mais tarde", mas depois afirmou que o objeto tinha a forma de um tic-tac. O vídeo do fenômeno misterioso foi publicado no canal do entusiasta no YouTube, mas sua autenticidade ainda não pode ser confirmada.

    "O vídeo mostra claramente um brilhante disco distante se movendo lentamente em direção ao topo do Monte Hood e depois desaparecendo", explicou o autointitulado pesquisador de OVNIs.

    Propósito das ações

    Waring acredita que não é uma prática incomum para seres extraterrestres usar picos de montanhas para suas bases, pois elas são "raramente visitadas por humanos".

    "Assim os alienígenas têm a reclusão e a privacidade que querem", conclui o caçador de OVNIs.

    Em março, surgiu outro vídeo supostamente mostrando naves alienígenas voando "em direção" e "desde" o vulcão Popocatépetl do México, que também desencadeou teorias de conspiração sobre OVNIs usando a montanha como um esconderijo.

    Waring também contribuiu para essas especulações, sugerindo que não só havia uma "base alienígena" de cinco a seis quilômetros abaixo do vulcão, mas talvez "uma cidade inteira de muitas espécies alienígenas" vivendo lá.

    Reações fora de seu círculo

    No entanto, a maioria desses avistamentos de "bases alienígenas" tem sido desmascarada por especialistas até agora.

    Entretanto, o Pentágono lançou recentemente vários vídeos que muitos acreditavam estar documentando os proeminentes encontros de OVNIs em 2004 e 2015. Militares norte-americanos confirmaram a autenticidade das imagens misteriosas em setembro, mas pararam de chamar os objetos filmados de "OVNIs" e os denominaram "fenômenos aéreos não identificados".

    Tags:
    Pentágono, Scott C. Waring
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar