12:57 24 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    0 50
    Nos siga no

    Imagens de um polvo grande foram postadas nas redes sociais mostrando-o nos canais de Veneza, perto da praça de Piazzale Roma.

    Na gravação, o animal pode ser visto nas águas claras dos canais, que ficaram assim devido à ausência de barcos na região por causa da quarentena na Itália.

    Até o momento, não há certezas quanto à origem do polvo, mas alguns especialistas sugerem que o molusco possa ter vindo do mar Adriático, ter escapado de um mercado de marisco ou ter sido solto como uma brincadeira.

    "É realmente muito estranho que um polvo possa chegar lá, naquele ambiente tão longe do mar e tão perto do interior. Não se pode descartar nada, pode até ser uma brincadeira. O vídeo mostra que é um polvo visivelmente saudável, não tem medo", disse Luca Mizzan, diretor do Museu de História Natural da cidade, citado pelo Corriere del Veneto.

    Os especialistas salientam ainda que o aparecimento deste tipo de animais "é muito raro" e apontam as causas à diminuição do tráfego devido ao período de confinamento para conter a COVID-19.

    Parece que os resíduos e sedimentos acumulados que tendem a flutuar devido ao movimento da água decantaram no fundo dos canais. A redução do número de embarcações também permitiu observar peixes e outros animais na corrente.

    Mais:

    Veneza ganha outra cara após confinamento pelo coronavírus
    Vida selvagem toma cidades esvaziadas pela COVID-19
    Em plena quarentena, javalis e raposas recuperam seus territórios no Marrocos (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    Itália, animais marinhos, polvo, COVID-19, Veneza, pandemia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar