10:31 03 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    211
    Nos siga no

    Uma cena raríssima foi filmada na costa da Flórida: um tubarão-martelo abocanhando um mero, popularmente conhecido por canapu.

    Peixe de águas profundas, o Epinephelus itajara de seu nome científico, flutuava contudo na superfície, tornando-se presa fácil para o predador.

    Tal se deveu, aparentemente, a um erro cometido por pescadores. Sendo espécie protegida, a sua captura é estritamente proibida.

    A cena foi captada na Flórida por um fotógrafo da vida selvagem na costa da Ilha Singer, em 9 de fevereiro.

    O entusiasta da vida animal Michael Patrick O'Neill foi para a praia filmar com um drone a migração anual de tubarões-galha-preta, quando detectou um tubarão-martelo atacando o cardume.

    "Eu tive o pressentimento de que algo de legal iria acontecer", confessou o fotógrafo à emissora WPTV NewsChannel 5.

    Efetivamente, e de repente, o tubarão-martelo se desinteressou do cardume de tubarões-galha-preta e se dirigiu na direção de um mero que flutuava na superfície.

    Por que estaria um mero na superfície?

    O canapu, estimado com peso entre 40 e 63 quilos, estava fora do seu habitat natural – bem no fundo do mar.

    O fotógrafo opina que o peixe tenha sido provavelmente capturado por pescadores e depois devolvido à água.

    Uma garoupa (imagem de arquivo)
    © Foto / Pixabay
    Uma garoupa (imagem de arquivo)

    Quando isto acontece, os gases no estômago do peixe se expandem, fazendo-o inchar e flutuar. Nestes casos, os pescadores devem ventilar o peixe antes de colocá-lo novamente na água, fazendo "um buraco com um objeto afiado para permitir que o gás em sua barriga se esvazie, permitindo que o mero desça", explicou O'Neill.

    Se não se livrar desse gás, o peixe fica paralisado na superfície", concluiu.

    Foi exatamente isso que aconteceu, noticia a mídia, permitindo ao tubarão-martelo atacar e abocanhar o canapu até a morte.

    Mais:

    Brincando com a morte: leão-marinho faz bailado diante de tubarão gigante (VÍDEO)
    Mergulhadores resgatam tubarão-baleia amarrado com corda
    Tubarão-mako muda dieta e tenta comer barco na Nova Zelândia
    Tags:
    ataques, mordida, Flórida, tubarões, tubarão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar