07:49 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Crocodilo (imagem de arquivo)

    Sul-africana morre depois de ser atacada por crocodilo ao atravessar rio

    © Sputnik / Pavel Lisitsin
    Mundo insólito
    URL curta
    0 50
    Nos siga no

    Uma sul-africana de Mokwete, aldeia da província de Limpopo, morreu depois de ter sido atacada por um crocodilo ao atravessar o rio dos Elefantes para comparecer a um culto religioso na aldeia vizinha.

    Tumelo Makunyane presenciou o ataque e revelou que estava com a vítima no momento em que o crocodilo surgiu.

    Tumelo revelou que Mavis Mohlala, de 39 anos, e Mpho Mohlala, de 28 anos, foram à igreja, atravessando o rio na noite de sábado (5).

    As mulheres estavam terminando de atravessar o rio quando Mavis gritou "Socorro! Socorro!" e começou a ser arrastada por um crocodilo.

    De acordo com a testemunha, todos voltaram para o rio para ajudar a mulher em apuros. Uma vara foi usada para espetar os olhos do crocodilo, que fugiu da cena.

    Mavis ficou com lesões graves nas pernas. Makunyane telefonou para o primo, que passou de carro para levar a vítima ao hospital.

    A mãe de Mavis, Anna Mohlala, diz que visitou sua filha e não ficou contente com o tratamento oferecido.
    Mavis se queixou de estar fraca por ter perdido muito sangue. A mulher morreu no dia 9 de outubro. Agora a família quer respostas.

    A morte de Mavis inquietou toda a população, que pede para que uma ponte seja construída.

    Na mesma noite, duas pessoas foram atacadas tentando atravessar o rio. A outra vítima foi o jovem rapaz Thabang Mogodi, de 24 anos, que não morreu por ter sido socorrido rapidamente.

    Mais:

    Cobra 'zangada' de 2 metros ataca capturador na Austrália (VÍDEO)
    Grande tubarão-branco ataca e trava batalha contra mergulhador na Austrália
    Jacaré 'penetra' é flagrado na entrada de restaurante em MG (VÍDEO)
    Tags:
    ataque, crocodilo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar