07:29 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Piranha (imagem referencial)

    Peixes carnívoros: lago famoso entre banhistas vira casa de piranhas na Polônia

    CC BY 2.0 / cc-content.net / Piranha
    Mundo insólito
    URL curta
    0 01
    Nos siga no

    No sudoeste da Polônia, perto da cidade de Malnia, em um lago formado em uma antiga pedreira de cascalho, pescadores fisgaram peixes carnívoros de descendência sul-americana, informa Nowa Trybuna Opolska.

    De acordo com mídia, ictiólogos poloneses examinaram os sete peixes fisgados, e comprovaram se tratar de piranhas. O maior tinha 30 centímetros de comprimento.

    Ictiólogos acreditam que os peixes carnívoros tenham sido jogados no lago pelos seus criadores, que não conseguiram mantê-los em aquários por serem grandes demais. Duas piranhas foram fisgadas no dia 8 de agosto pelo pescador Jerzy Czerwinski, que anualmente visita a antiga pedreira para pescar.

    "São 10 hectares de água limpa e condições favoráveis para uma 'caça silenciosa'. Na primeira vez, peguei duas piranhas de 25 cm e 27 cm de comprimento, e a terceira mordeu a linha e foi embora. Na segunda vez, em 17 de agosto, outros peixes foram fisgados pelo meu anzol, desta vez de grandes dimensões – de 28 cm e 30 cm. Eu nunca vi nada assim antes", afirmou o pescador.

    O lago é visitado por muitos banhistas, incluindo crianças, mas, mesmo assim, autoridades locais decidiram não capturar com redes os habitantes perigosos da pedreira, uma vez que isso prejudicaria outras espécies de peixes. Espera-se que as piranhas sejam apanhadas uma a uma pelos pescadores ou que morram com as primeiras quedas de temperatura.

    Mais:

    Filhote de tubarão é fisgado e devorado por gaivota faminta (VÍDEO)
    Não mexa com meu dono: pitbull dá lição inesquecível a tubarão (FOTO)
    Encontro estranho: pescadores suecos capturam 'primo da piranha' em águas nórdicas
    Tags:
    pescadores, lago, Polônia, piranha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar