03:42 20 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Abigail Ratchford, modelo norte-americana

    Modelo dos EUA ganha milhões compartilhando suas fotos sensuais online

    © AFP 2019 / Getty Images/David Livingston
    Mundo insólito
    URL curta
    0 100
    Nos siga no

    A deslumbrante modelo Abigail Ratchford ganha a vida promovendo marcas conhecidas e partilhando suas fotos sensuais.

    A estrela das redes sociais ganha R$ 3,497 milhões por ano publicando fotografias picantes no Instagram e no Snapchat. Para além disso, ela também posa para fotos de calendário, também promovendo marcas conhecidas.

    Desde que sua carreira de modelo começou, ela já ganhou milhões de dólares.

    Посмотреть эту публикацию в Instagram

    Публикация от ⚡️ A R ⚡️ (@abigailratchford)

    Abigail nasceu em Scranton, uma pequena cidade no estado norte-americano da Pensilvânia, e nunca imaginou que algum dia iria se tornar modelo.

    Ela entrou na indústria da moda acidentalmente, depois que suas fotografias se tornaram virais nas redes sociais.

    Посмотреть эту публикацию в Instagram

    Публикация от ⚡️ A R ⚡️ (@abigailratchford)

    "Eu tirei fotos por acaso, elas se espalharam por todo o mundo e atraíram muita atenção", disse Abigail.

    "A partir daí, eu comecei a ganhar mais seguidores, e aí vi que poderia ganhar dinheiro trabalhando com várias marcas, promovendo vários tipos de produtos, e fiquei viciada", afirma a modelo.

    Посмотреть эту публикацию в Instagram

    Публикация от ⚡️ A R ⚡️ (@abigailratchford)

    Ela já posou para as revistas Esquire e Maxim. Após ficar famosa, em 2014 ela foi viver para Los Angeles, onde continua trabalhando em sua carreira de sucesso, escreve Daily Star. 

    Ao longo dos últimos anos, ela conseguiu acumular mais de 9 milhões de seguidores no Instagram. Graças a seus fãs, ela já fechou dezenas de contratos com várias marcas.

    Mais:

    Charme de sobra: Emily Ratajkowski posta novas fotos de biquíni transpassado minúsculo
    Tags:
    fortuna, redes sociais, EUA, modelo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar