21:13 15 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Tubarão na África do Sul (imagem referencial)

    Irlandesa pesca tubarão 'monstro' de quase 550 kg (VÍDEO)

    © flickr.com/ Travelbag Ltd
    Mundo insólito
    URL curta
    193

    Essa mulher, da cidade irlandesa de Limerick, provavelmente nunca mais conseguirá capturar um tubarão maior do que este.

    Charlene Dillon, de 30 anos, pegou um impressionante e raro tubarão-albafar (Hexanchus griseus) de 4,5 metros e de um pouco mais de meia tonelada, enquanto pescava na costa irlandesa de Clare neste fim de semana.

    A irlandesa explica que estava em um barco com profissionais e todos os equipamentos necessários para uma pesca em mar aberto.

    Todos a bordo perceberam que se tratava de um tubarão muito grande devido à força que o animal exercia contra o barco, mas mesmo assim ficaram surpresos quando o viram, informou Limerick Leader.

    "Depois de mais meia hora ou mais, eu finalmente consegui colocar o monstro na superfície […] Foi uma visão incrível ver este peixe do tamanho da metade do barco, chegando à superfície, fiquei absolutamente espantada com o tamanho dele", afirmou a mulher.

    O capitão do barco mediu e estimou o pesou do peixe, mas o predador era muito grande para caber no barco.

    A pesca impressionante de Charlene a colocou nos livros dos recordes, além de torná-la uma celebridade no mundo da pesca.

    "Eu sou a única mulher a capturar um tubarão destes na Irlanda e é o maior peixe capturado por uma mulher na Europa, até onde sei", ressaltou.

    Tubarões-albafar, conhecidos por atacar humanos quando provocados, são peixes de águas profundas que podem medir até seis metros de comprimento e se alimentam principalmente de peixes, mamíferos marinhos e até outros tubarões.

    Mais:

    Nadador distraído é perseguido por tubarão em praia da Austrália (VÍDEO)
    VÍDEO mostra tubarão-branco devorando vítima a poucos metros de nadadores
    Surfista morre após ataque de tubarão na costa francesa
    Tags:
    pesca, Irlanda, tubarão
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar