06:10 13 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Erich von Däniken e Giorgio Tsoukalos falam durante palestra da UFO Summit 2018, em São Paulo.

    'Alienígenas voltarão para nos ensinar', dizem Erich von Däniken e Giorgio Tsoukalos

    © Reprodução
    Mundo insólito
    URL curta
    6131

    Há quem acredite que a humanidade tenha sido formada com a ajuda de alienígenas que foram confundidos com deuses na antiguidade. A Sputnik Brasil entrevistou os maiores expoentes dessa teoria, os suíços Erich von Däniken e Giorgio Tsoukalos, e eles disseram que os alienígenas voltarão.

    Nos dias 6 e 9 de dezembro continua a UFO Summit 2018, um encontro internacional de ufólogos e curiosos. A primeira palestra foi realizada em São Paulo no dia 4, e nesta quinta-feira (6), a segunda palestra será realizada em Brasília. O último encontro do que é considerado o maior evento de ufologia da história brasileira acontecerá no domingo (9), em Curitiba.

    Os convidados das palestras são os dois nomes mais importantes da ufologia do mundo, atualmente, Erich von Däniken e Giorgio Tsoukalos.

    Erich ficou conhecido por escrever, em 1968, o best-seller "Eram os Deuses Astronautas?", em que criou uma teoria que sustenta que alienígenas visitaram a Terra na antiguidade e ajudaram na evolução da humanidade.

    Já Tsoukalos, um de seus seguidores, ficou famoso mundialmente como apresentador do seriado "Alienígenas do Passado", do History Channel. A série, que conta com a participação de von Däniken e promove sua teoria, apresenta mistérios sobre alienígenas desde a antiguidade até os dias atuais.

    "Muitos milhares de anos atrás alguns extraterrestres chegaram ao nosso planeta Terra. Nossos ancestrais, naquela época, eram pessoas primitivas da Era da Pedra. Eles não podiam entender o que estava acontecendo. Então, eles acreditavam que esses visitantes eram deuses", disse Erich von Däniken em entrevista à Sputnik Brasil.

    Segundo a teoria, os alienígenas teriam visitado civilizações antigas em locais como o Peru, o Egito, o Japão e a Índia, e que teriam sido confundidos com deuses pelas sociedades primitivas. As provas disso, segundo os teóricos, estão em esculturas, monumentos, inscrições e livros antigos, incluindo a própria Bíblia.

    "Algumas pessoas apontam que o mundo foi povoado através de migração e difusionismo, que começou em um lugar e depois nos espalhamos por todo o mundo. Nós estamos sugerindo que talvez nossos ancestrais foram visitados pelos mesmos professores", explica Giorgio Tsoukalos em entrevista à Sputnik Brasil.

    Ele acredita que construções, técnicas e escritos similares de civilizações antigas espalhadas pelo mundo são uma possível evidência de interferência extraterrestre.

    "Foram os extraterrestres que foram a todos esses lugares e ensinaram à humanidade as mesmas áreas da ciência. Então, para mim isso é mais provável do que um barco a remo viajar 22 mil quilômetros", aponta Tsoukalos.
    Para o produtor e apresentador da série "Alienígenas do Passado", o Brasil também faz parte dessa espécie de rota ancestral.

    "No nordeste do Brasil há uma pedra, a Pedra do Ingá. E nela você tem essas estranhas visões, sobre ela, que foram entalhadas nas pedras. E até hoje, arqueólogos têm dificuldades para explicar o que elas significam, porque são escritos que não foram decifrados até agora. E alguns desses entalhes, os escritos, são muito estranhos. E também os escritos que vi têm semelhanças com outras línguas escritas ao redor do mundo", aponta Giorgio.

    Segundo ele, as visitas alienígenas não ficaram só no passado, e o Brasil seria um dos lugares do mundo com maior quantidade de contato extraterrestre.

    "Eu acredito que o Brasil está entre os 5 países no mundo com mais aparições de OVNIs, que são muito, muito convincentes. Como é o caso do ET de Varginha, por exemplo. Incrível, quer dizer, realmente eu estou interessado nesse caso", diz Tsoukalos.

    Piadas são levadas com bom humor

    Além do sucesso da série "Alienígenas do Passado", o rosto de Giorgio Tsoukalos ficou conhecido no mundo todo como um meme. Nele, um frame da série do History Channel mostra o pesquisador suíço fazendo uma pose com as mãos e com a palavra "Aliens" à frente.

    "Tudo isso cresceu organicamente. Eu não tive controle sobre isso, eu não tenho nenhum controle sobre isso.Mas, sabe, Arnold Swschwarzenegger tem o 'eu voltarei', o Sylvester Stallone tem os punhos de boxeador e eu tenho essa pose de mãos", conta rindo Tsoukalos.

    O apresentador e ufólogo Giorgio Tsoukalos ficou famoso ao ter sua imagem do programa Alienígenas do Passado transformada em meme na internet.
    Reprodução
    O apresentador e ufólogo Giorgio Tsoukalos ficou famoso ao ter sua imagem do programa "Alienígenas do Passado" transformada em meme na internet.

    "Então se isso faz as pessoas falarem sobre extraterrestres ou qualquer coisa sobre os mistérios, o que mais eu posso querer? Eu acho que isso também, na minha opinião, é uma ilustração sobre o quanto as pessoas gostam do seriado. E sim, algumas pessoas dizem que é uma piada, mas, sabe, eu sou a pessoa que está sorrindo", aponta o apresentador. Ele diz que "ama" ter se tornado um viral e acredita que isso apenas impulsiona seu seriado e o interesse em suas teorias.

    'Eles voltarão para nos ensinar novamente'

    Para Giorgio Tsoukalos, os extraterrestres, apesar de nos observarem, optaram por uma postura de distanciamento e que só entrarão em contato aberto com a humanidade após resolvermos os nossos problemas em sociedade.

    "Há um porquê de nenhum contato oficial ter sido feito. Em minha opinião é que nós, enquanto sociedade, temos que nos tornar mais amigáveis uns com os outros. Porque nós estamos neste planeta juntos. Nós somos um povo e então divisões e diferenciação de classes, coisas como essa, na minha opinião são um grande prejuízo ao nosso rumo enquanto sociedade", aponta Giorgio.

    O pesquisador e apresentador ainda acrescenta:

    "Nós realmente precisamos começar a olhar para nós mesmos e dizer, sabe, nós somos todos irmãos e irmãs neste planeta, nós realmente somos. Então é uma tarefa nossa arrumar nossa casa aqui na Terra. E então, quando nós arrumarmos nossa bagunça, será aí que eles farão contato."

    Já o mais importante defensor da teoria dos "Alienígenas do Passado", Erich von Däniken, lembra que falta humildade aos seres humanos.

    "Nós temos que aprender a sermos humildes. Nós não somos únicos. Nós não somos a coroa da criação nem o topo da evolução. Nós somos apenas uma das milhões de espécies no espaço. Eles voltarão, eles vão nos ensinar novamente."

    Mais:

    Chinês revela suposto crânio alienígena com 2 'camadas distintas' (FOTO)
    Astrônomos descobrem nova estrela com 'megaestrutura alienígena'
    Mensagem alienígena? Brasil tomba inscrições milenares na Amazônia
    Kim Kardashian chama atenção nas redes com FOTO 'alienígena'
    Tags:
    alienígenas, ufologia, UFO, Eram os Deuses Astronautas, UFO Summit 2018, Giorgio Tsoukalos, Erich von Däniken, Egito, Peru, Índia, Japão, Brasil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik