12:05 22 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Cascavel

    Homem quase morre após mordida de cobra decapitada

    CC0 / Pixabay
    Mundo insólito
    URL curta
    0 20

    Um morador do Texas passou quatro dias na UTI depois de ter sido mordido pela cabeça de uma cobra venenosa, que ele havia decapitado minutos antes, informou o Washington Post.

    O incidente arrepiante ocorreu no dia 27 de maio, quando Jeremy Sutcliffe, de 40 anos, e sua esposa Jennifer estavam trabalhando em seu jardim. De repente, eles descobriram uma cascavel de 1,2 metros de comprimento. O homem decidiu matar a visitante indesejada com uma pá, no entanto, quando ele tentou se livrar dos restos da cobra — cerca de 10 minutos depois — a cabeça "ressuscitou" e mordeu a mão dele.

    "Ela descarregou todo o seu veneno nele, havia muito veneno", disse a mulher da vítima à imprensa.

    "Liguei para o 911 e imediatamente saímos de carro sem um destino claro, já que não sabíamos qual hospital teria um antídoto disponível", revelou Jennifer.

    Segundo ela, o seu marido começou a sofrer convulsões e ficou inconsciente. Logo em seguida, no entanto, um helicóptero médico levou a vítima ao hospital de Corpus Cristi, localizado a cerca de 65 quilômetros do local do incidente.

    "Ele me disse: 'Se eu morrer, lembre-se que eu te amo'. Acho que ele sabia que estava muito mal", recordou a mulher.

    Os médicos precisaram injetar 26 doses de antídoto, quando o usual em casos semelhantes varia entre duas e quatro. Em seguida, os médicos induziram o paciente ao coma. Felizmente, quatro dias depois do ataque da cobra, Jeremy acordou e agora segue estável.

    O especialista norte-americano em veneno, Leslie Boye, explicou ao portal Gizmodo que não ter cuidado com cabeça decapitada de cobra se trata de um "erro clássico".

    "As pessoas não percebem que os répteis e os mamíferos funcionam de maneira diferente", explicou ele. O pesquisador do Instituto VIPER da Universidade do Arizona enfatizou que as cobras podem se mover até 12 horas depois de serem cortadas em dois. Ela até afirmou que foi consultada sobre um caso em que uma pessoa foi mordida por uma cobra mumificada.

    Por sua vez, o professor David Penning, da Universidade Estadual do Sul do Missouri, explicou em entrevista à revista LiveScience que "cortar a cabeça de uma cobra não causará sua morte instantânea, já que não consome grandes quantidades de sangue e oxigênio, é muito provável que não esteja ciente de que perdeu seu corpo ". Ele acrescentou que a mordida de uma cobra decapitada pode ser ainda pior do que a de uma cobra viva, já que esta fica incapaz de controlar a quantidade de veneno injetado.

    Portanto, se vir uma cobra venenosa em seu quintal, não tente atacar! O professor recomenda telefonar para as autoridades ou especialistas.

    Mais:

    Tamanho não importa: bebês destas serpentes podem matar pessoas (VÍDEO)
    Pedreiro é escolhido para lidar com cobra na Austrália e VÍDEO cai no Twitter
    Cobra pega alunos espanhóis de surpresa com presa no estômago em plena fraqueza (FOTO)
    Eis como 2ª cobra mais venenosa do mundo afasta inimigos (VÍDEO)
    Tags:
    Cobra, cascavel, EUA, Texas
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik