23:55 18 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Esporte extremo (imagem ilustrativa)

    Coquetel de adrenalina que fará vocês prenderem a respiração! (VÍDEO)

    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Mundo insólito
    URL curta
    0 0 0

    Confira o coquetel de adrenalina feito pelo cineasta canadense Luc Bergeron. Neste ano ele conseguiu, mais uma vez, criar uma obra cheia de cenas impressionantes que farão vocês prenderem a respiração!

    O cineasta Luc Bergeron criou e publicou no YouTube um vídeo composto por 314 fragmentos de vídeos populares divulgados durante este ano, especificamente desde dezembro de 2016 até novembro de 2017.

    Essa seleção já é a décima da sua famosa série The Best of Web (O melhor da Internet).

    Esse vídeo inclui cenas absolutamente variáveis: truques extremos, danças rítmicas, propostas de casamento incríveis, trotes e outras situações diferentes que atraíram a atenção dos internautas.

    Apesar da curta duração de apenas oito minutos, contém quase todas as emoções: de medo e susto até alegria e admiração.

    Mas há algo que reúne todas essas cenas. Já sabem a resposta? Claro, todas elas encantam e provam que o mundo é muito interessante e inédito. Porém, há ainda muitas coisas que valem a pena experimentar: praticar esportes radicais e visitar lugares distantes.

    A vida é completa graças às emoções, então deixe que estas sensações façam parte dela.

    De acordo com o próprio cineasta, ele precisou de 280 horas para criar o vídeo e confessa que gastou cerca de 40 horas semanais para tornar sua ideia em realidade.

    Mais:

    Truque terrível: acrobata quebra pescoço durante treino (IMAGENS FORTES)
    Caminhoneiro experiente evita acidente com truque de filme de ação
    Confira o salto extremamente radical de base jumping com obstáculos
    Ele não vai esquecer este salto... paraquedista escapa a colisão com avião
    Tags:
    emoções, aventura, extremo, truques, momentos, vida, esportes, YouTube, Quebec, Canadá
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar