21:17 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    601
    Nos siga no

    O ex-chefe do serviço de imprensa de Donald Trump, Sean Spicer, se apropriou uma mini geladeira que não lhe pertencia.

    Sobre este acontecimento escreve o jornal Wall Street Journal, citando testemunhas do "furto".

    Segundo os dados do jornal, o incidente aconteceu menos de um mês após Spicer aceder ao cargo. A mini geladeira estava na sala de trabalho dos funcionários da administração presidencial. Spicer não tinha lugar para guardar sua comida e bebidas e pediu a seu assessor para trazer a geladeira para seu escritório, mas os "donos" da geladeira não concordaram.

    "Sean Spicer esperou pelo fim do dia para tomar a iniciativa. Um funcionário da Casa Branca viu como, por volta das 20h00, o ex-porta-voz carregou ele próprio a geladeira", escreve o jornal.

    Sean Spicer liderou o serviço da imprensa de Trump depois da sua tomada de posse em janeiro último. O porta-voz ficou na memória pela grande quantidade de duelos verbais com os jornalistas e por ser repetidamente "atacado" por eles.

    No dia 21 de julho, Sean Spicer se demitiu, após a nomeação de Anthony Scaramucci como diretor de comunicação da Casa Branca, segundo os dados da agência Reuters.

    Scaramucci, que ainda está trabalhando no Banco de Exportações e Importações dos EUA, vai ocupar o novo cargo em início de agosto.

    Mais:

    Casa Branca: Trump quer acabar com a 'caça às bruxas' com a Rússia
    Trump pode convidar Putin para ir à Casa Branca, mas 'não agora'
    Casa Branca acusa Ucrânia de interferir nas eleições de 2016 para ajudar Hillary Clinton
    Tags:
    Casa Branca, Donald Trump, Sean Spicer, Washington, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar