21:00 15 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Primeiro-ministro de Israel, Benjamin NetanyahuO presidente russo Vladimir Putin

    Putin? Voz da América confunde nome do premiê israelense

    © REUTERS / Jonathan Ernst © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    1 / 2
    Mundo insólito
    URL curta
    320
    Nos siga no

    Em 15 de fevereiro, a rádio Voz da América cometeu um erro seríssimo ao confundir o nome do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, com o do presidente russo, Vladimir Putin.

    O erro cometido pela Voz da América pode ser visto no resumo dos temas principais do dia, logo abaixo da gravação. Até agora o erro não foi corrigido.

    "A Casa Branca dará as boas-vindas ao primeiro-ministro de Israel Vladimir Putin na quarta-feira", diz um dos títulos na página do site.

    Voz da América confunde o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu com o presidente russo Vladimir Putin
    © Foto / Voice of America
    Voz da América confunde o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu com o presidente russo Vladimir Putin

    O anúncio foi publicado na véspera da reunião do premiê de Israel com o presidente norte-americano, Donald Trump, na Casa Branca.

    Uma pessoa assista a mensagem à Nação do presidente Barack Obama em inglês
    © AFP 2019 / Patrick T. Fallon
    Vale a pena notar que essa não é a primeira vez que a mídia ocidental se equivoca com nomes de líderes estrangeiros.

    Anteriormente, ao transmitir em espanhol a mensagem à Nação do então-presidente dos EUA, Barack Obama, o canal de televisão CNN cometeu um erro e apresentou-o como "presidente da Venezuela". O incidente causou grande repercussão nas redes sociais, principalmente no Twitter.

    Mais:

    Netanyahu chama o muro de Trump de ‘ótima ideia’
    Benjamin Netanyahu e Trump vão discutir assentamentos israelenses e acordo com Irã
    Tags:
    reunião, título, gravação, erro, CNN, Casa Branca, Barack Obama, Donald Trump, Benjamin Netanyahu, Vladimir Putin, Venezuela, EUA, Rússia, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar