10:05 15 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    USS DWIGHT D. EISENHOWER

    Marinheira dá à luz em porta-aviões dos EUA no golfo Pérsico

    © flickr.com / Expert Infantry
    Mundo insólito
    URL curta
    1224
    Nos siga no

    A Marinha norte-americana informou hoje (12) que uma marinheira que nunca tinha relatado estar grávida deu à luz uma menina a bordo do porta-aviões USS Dwight D. Eisenhower no golfo Pérsico.

    O porta-voz do Comando Central das Forças Navais dos EUA, comandante Bill Urban, disse ao portal Virginian-Pilot que o bebê nasceu com 3,1 kg, e que tanto a mãe quanto a filha passam bem e foram levadas para um hospital em terra.

    Urban disse ainda que a cadeia de comando não estava ciente da gravidez. A Marinha dos EUA exige que as gestantes relatem sua condição dentro de duas semanas após a confirmação feita por um médico. Mulheres grávidas são autorizados a permanecer no mar até a 20ª semana de gestação.

    No entanto, ainda não está claro se a marinheira, que se queixava de dores abdominais antes do parto, sabia de fato que estava grávida.

    Mais:

    Porta-aviões norte-americano participará dos treinamentos de ataque contra Pyongyang
    Reino Unido envia porta-aviões para golfo Pérsico
    O porta-aviões mais caro dos EUA não está pronto para a batalha
    Tags:
    bebê, porta-aviões, parto, grávida, marinheira, Marinha, Golfo Pérsico, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar