03:11 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Em 2008, Nils Olav virou Sir, ou seja, cavaleiro

    Brigadeiro não é doce, é pássaro!

    © AFP 2019 / Ed Jones
    Mundo insólito
    URL curta
    0 13
    Nos siga no

    A Guarda Real da Noruega acaba de celebrar uma condecoração importante. O pinguim Sir Nils Olav virou, na tarde da segunda-feira (22), brigadeiro (não confundam com sobremesa).

    Mais de 50 soldados da unidade de honra norueguesa assistiu à cerimônia solene, que teve lugar no Zoológico de Edimburgo, Escócia. É lá onde mora o pinguim real.

    Nils Olav obteve o título de cavaleiro, Sir, em 2008. De acordo com o jornal The Guardian, a cerimônia contou com 30 membros da Guarda Real norueguesa, discursos e comemorações em homenagem ao pássaro. O título foi concedido pelo rei da Noruega, Harald V.

    O pinguim já recebeu os títulos de Mascote, Soldado, Sargento, Sargento-Maior de Regimento, Sargento-Maior Honorário de Regimento e Coronel.

    Membros da Guarda Real da Noruega
    © AFP 2019 / Ed Jones
    Membros da Guarda Real da Noruega

    A principal função do Brigadeiro Sir Nils Olav é a de revistar a Guarda Real da Noruega quando membros desta unidade militar do reino escandinavo chegam à Escócia.

    A história se iniciou no ano de 1972 quando o tenente norueguês Nils Egelien, apaixonado pela natureza selvagem, teve a ideia de ter um pinguim real como mascote e membro honorário do regimento. O tenente deu o seu nome ao animal, já o segundo nome do mesmo, segundo informa o jornal Verdens Gang, foi doado pelo rei da Noruega Olav V.

    Mas o Brigadeiro Sir Nils Olav não é aquele Nils Olav trazido pelo jovem militar, há quarenta anos. É o terceiro na dinastia, cujos machos não mudam nem de nome, nem de função. Só recebem novos títulos.

    A assessoria do zoológico o chama de "pinguim mais conhecido do mundo". O estabelecimento até possui um "Penguin Walk" — "Passeio do Pinguim", destinado especialmente para eventos de caráter oficial.

    Mais:

    Avião da American Airlines faz pouso de emergência após se chocar com pássaro misterioso
    Tags:
    pinguins, animais, Nils Olav, Noruega, Reino Unido
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar