18:22 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Makhunik - aldeia de anões no Irã

    Misteriosa aldeia de anões no Irã

    © Sputnik / Mikitenko
    Mundo insólito
    URL curta
    0 40

    Makhunik é uma aldeia situada na província Khorasan do Sul, a 20 quilômetros da fronteira entre Irã e Afeganistão. Região difícil, cercada por montanhas.

    Makhunik é conhecida pelos nativos como Aldeia dos anões.

    Não foram encontrados anões na região, mas se levarmos a sério o que dizem os residentes locais, em certo período, essa aldeia foi habitada por anões.

    Makhunik se parece com uma clareira rodeada de cogumelos. As casinhas com suas portas estreitas são chamadas de "cogumelos". Um visitante se sentirá o próprio gigante Gulliver visitando uma aldeia minúscula. Essa sensação também é sentida pelos residentes locais de estatura normal.

    Makhunik foi fundada há quase mil anos e ficou conhecida como aldeia dos anões, pois a altura média dos residentes da aldeia não ultrapassava um metro. Pesquisadores opinam que esse fato pode estar relacionado à prática de matrimônios entre parentes, à alimentação pobre em proteínas e vitaminas e à presença de mercúrio na água potável. 

    Atualmente, a população da aldeia é de 700 pessoas. Os idosos vivem em suas casas antigas, ilumindas por lâmpadas de querosene e lareiras.
    As casas na aldeia preservam a arquitetura neolítica. A cor das casinhas permite com que eles não sejam percebidos entre as montanhas.
    A aldeia tem uma escola. À noite, os jovens estudam teologia na mesquita local. Não há televisões na aldeia, pois os residentes acreditam que essa invenção é do diabo.
    Os jovens não saem daqui, pois amam a sua aldeia e se sentem confortáveis.

    Vale notar que, ruínas de aldeias semelhantes a essa, foram encontradas em outras regiões do Irã.

    Mais:

    Cientistas indicam povo que tem mais mutações genéticas
    Tags:
    aldeia, casa, montanhas, população, televisão, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik