11:13 13 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo insólito
    URL curta
    444
    Nos siga no

    A polícia de trânsito de Moscou vai considerar o caso de um cidadão que recebeu a carteira de habilitação com a sua foto usando um chapéu estranho – um coador tricotado.

    “No dia nove de 2016, ao entregar a carteira de habilitação se constatou que a fotografia do cidadão foi tirada usando um chapéu, o que é uma violação dos regulamentos. Atualmente a Direção-Geral de Segurança Rodoviária de Moscou está realizando uma investigação deste caso,” diz-se no site oficial do departamento.

    Há possibilidade de o documento vir a ser anulado, indica a polícia.

    Antes, o portador da carteira de habilitação, Andrei Filin, disse que é adepto do pastafarianismo, ou massafaranismo. Segundo ele, a sua religião obriga-o a usar o coador. No seu Twitter ele escreveu:

    “Afirmo que considero a carteira de habilitação com a foto de coador como uma relíquia religiosa. Todas as tentativas de me retirar a carteira de habilitação são um sacrilégio”.

    Segundo o regulamento das carteiras de habilitação russas, as pessoas devem tirar as fotos sem qualquer chapéu ou similar e só há exceções para os cidadãos cujas convicções religiosas não lhes permitem aparecer em frente de outras pessoas de cabeça descoberta. 

    O pastafarianismo é uma religião de tipo satírico, fundada por Bobby Henderson em 2005. O “Deus”, de acordo com esta religião é o Monstro de Espaguete Voador, formado por espaguete e almôndegas. Apesar de ser uma paródia, a religião tem um status oficial.

    Mais:

    OVNI em forma de pirâmide aparece no céu paulista (VÍDEO)
    ‘Rússia’ nasce em Damasco
    Tags:
    religião, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar