14:08 23 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Bandeira israelense com a Cidade Velha de Jerusalém ao fundo, em 6 de dezembro de 2017

    Paraguai mudará embaixada para Jerusalém neste mês

    © AP Photo / Oded Balilty
    Mundo
    URL curta
    937

    O Paraguai decidiu seguir o exemplo do presidente norte-americano, Donald Trump, e também mudar a embaixada paraguaia em Israel de Tel Aviv para Jerusalém, cidade sagrada para judeus, cristãos e muçulmanos e disputada entre israelenses e palestinos.

    O anúncio foi feito nesta segunda-feira por um representante do Ministério das Relações Exteriores de Israel:

    "O Paraguai abrirá sua embaixada em Jerusalém até o final de maio! O presidente Cartes abrirá a embaixada! Notícia maravilhosa enquanto o reconhecimento internacional de Jerusalém como capital de Israel ganha ímpeto. Obrigado, Paraguai, por sua amizade", disse o porta-voz Emmanuel Nahshon, contradizendo uma informação da diplomacia paraguaia, segundo a qual tal medida ainda estava sendo decidida. 

    Em abril, em meio a protestos por parte de muçulmanos de várias partes do mundo, Horacio Cartes admitiu que estava pronto para mudar a embaixada do Paraguai para Jerusalém, assim como os Estados Unidos, que anunciaram tal decisão no final do ano passado, iniciando esses protestos.

    Apesar desses anúncios, a Palestina, conforme declarou recentemente à Sputnik o chanceler palestino Riyad Maliki, pretende manter os esforços para evitar o reconhecimento internacional de Jerusalém como capital israelense, através de manifestações pacíficas ao longo da Faixa de Gaza e da Cisjordânia.

    A mudança da Embaixada dos Estados Unidos de Tel Aviv para Jerusalém está marcada para o próximo dia 14. 

    Mais:

    Paraguai pode se tornar o primeiro país sul-americano a levar embaixada para Jerusalém
    EUA vão abrir embaixada em Jerusalém em 14 de maio, garante porta-voz
    Lei municipal de Jerusalém pode retardar instalação de embaixada dos EUA
    Tags:
    Riyad Maliki, Emmanuel Nahshon, Horacio Cartes, Jerusalém, Tel Aviv, EUA, Paraguai, Israel, Palestina, Cisjordânia, Faixa de Gaza
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik