10:48 21 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Policiais investigando o caso do ex-espião russo Sergei Skripal, em Salisbury (Inglaterra), 13 de março de 2018

    Embaixador russo critica Londres por falta de transparência no caso Skripal

    © AP Photo /
    Mundo
    URL curta
    Envenenamento de ex-espião russo (100)
    252

    O segredo em torno da investigação sobre envenenamento do ex-espião russo, Sergei Skripal, e sua filha, mostra que o Reino Unido tem algo a esconder. A declaração é do embaixador russo na União Europeia, Vladimir Chizhov.

    O presidente russo, Vladimir Putin, e seu homólogo francês, Emmanuel Macron, antes da visita à exposição “Pedro I. Czar na França. Ano de 1717” no Palácio de Versalhes, em Paris.
    © Sputnik / Aleksey Nikolskyi
    "Eles falam de transparência e esperam transparência de nós, mas eles mesmos mantêm tudo em segredo, assim como eles mantiveram secretas outras investigações de mortes misteriosas de russos no território do Reino Unido", disse Chizhov.

    Ele acrescentou que Londres "violou suas obrigações no âmbito da convenção consular russo-britânica ao não fornecer acesso a uma das vítimas, Yulia Skripal, que é cidadã russa". "como isso pode ser explicado? Provavelmente, eles têm algo a esconder", completou o diplomata. 

    A notícia sobre a morte do ex-espião russo Sergei Skripal provocou uma tensão nas relações entre Moscou e Londres após a primeira-ministra Theresa May ter acusado a Rússia de estar envolvida no atentado contra o ex-oficial. Moscou negou veementemente qualquer envolvimento.

    Tema:
    Envenenamento de ex-espião russo (100)

    Mais:

    Revelado possível método de envenenamento do ex-espião russo Skripal
    Ativista exige que May apresente prova clara para envolvimento da Rússia em envenenamento
    Rússia está 'surpresa' com o acusações do Ocidente sobre envenenamento no caso Skripal
    Chanceler do Reino Unido: envenenamento de Skripal pode ter sido decisão de Putin
    Tags:
    espião, envenenamento, Sergei Skripal, Reino Unido, Londres, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik