08:14 23 Abril 2018
Ouvir Rádio
    A porta-voz da Chancelaria russa, Maria Zakharova

    Rússia exige que Alemanha especifique que acordos sobre armas Moscou teria violado

    © Sputnik / Mikhail Voskresensky
    Mundo
    URL curta
    Novo arsenal da Rússia (40)
    11322

    Moscou pede a Berlim para especificar quais os acordos de controle de armas que a Rússia teria supostamente violado. A declaração é da representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, nesta quarta-feira (7).

    Em uma coletiva de imprensa, a diplomata citou uma declaração do porta-voz oficial do governo alemão, Steffen Seibert, segundo a qual o Kremlin deveria dissipar os receios de que a Rússia poderia não respeitar os acordos internacionais sobre controle de armas para desenvolver armas nucleares.

    "Nesse sentido, pedimos aos nossos parceiros alemães que especifiquem quais os acordos internacionais de controle de armas que eles estão se referindo exatamente. O que isto quer dizer? Que evidências tem Berlim e por que ainda não foram apresentadas à Rússia?", disse Zakharova.

    Em 1º de março, em seu discurso anual à Assembleia Federal, o presidente russo, Vladimir Putin, apresentou novas armas russas, como o sistema de mísseis Sarmat, os drones submarinos, um míssil hipersônico aéreo, um míssil de cruzeiro com propulsão nuclear, armas laser, entre outras.

    Ao mesmo tempo, o líder russo enfatizou que, com seu novo armamento, a Rússia não ameaça ninguém nem planeja usar seu potencial para fins ofensivos ou agressivos.

    Tema:
    Novo arsenal da Rússia (40)

    Mais:

    'Ocidente não gosta que Rússia tenha poderosas armas modernas por simples razão'
    Putin: países estrangeiros não criaram armas de alta tecnologia como a Rússia
    Para especialista, Rússia de fato possui armas que ninguém mais no mundo tem
    Equador se diz aberto à compra de armas e helicópteros da Rússia
    Tags:
    controle de armas, acordos, armamento, armas, Assembleia Federal, Vladimir Putin, Maria Zakharova, Alemanha, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik